5 julho 2022 2:31
5 julho 2022 2:31

Tragédia: criança de 11 anos morre após enrolar pescoço em punho de rede

A criança estava brincando na rede quando tropeçou e ficou pendurada

Por Em Tempo

- Publicidade -

Uma criança de 11 anos que não teve a identidade divulgada, morreu em um acidente doméstico na noite desta quinta-feira (9), após enrolar o pescoço no punho de uma rede. O fato ocorreu em uma residência localizada no bairro Grande Vitória, na Zona Leste da capital.

De acordo com informações preliminares, a criança estava brincando no quarto se enrolando na rede e em determinado momento, acabou tropeçando, onde ficou pendurado com o punho no pescoço.

A mesma fonte informou que quando a mãe da criança entrou no quarto o encontrou desacordado. Imediatamente a mulher levou o filho para o Hospital e Pronto Socorro (HSP) Joãozinho, na Zona Leste da cidade.

Porém, ao chegar na unidade hospitalar e passar pelos procedimentos médicos, a equipe que realizou o atendimento informou que ele não resistiu e veio a óbito.

O corpo da criança foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML) onde irá passar pelo exame de necropsia e posteriormente, devolvido para a família.

Acidentes domésticos com crianças

De acordo com dados da Sociedade Brasileira de Pediatria, por ano, cerca de 200 mil acidentes domésticos envolvendo crianças são registrados no país. Entre eles estão acidentes como queimaduras, quedas e afogamentos.

Embora não pareça, muita das vezes, em uma residência pode haver várias armadilhas, e a cozinha é o cômodo que mais oferece risco aos pequenos. Queimadura por conta do fogão, intoxicação com produtos de limpeza e aspiração de corpos estranhos como grãos, por exemplo, são os acidentes mais comuns.

Além disso outros tipos de acidentes bastante registrados estão as quedas na utilização de cadeiras, subidas em mesas, escadas e até mesmo de camas e redes.

A Sociedade Brasileira de Pediatria alerta aos pais para que sempre supervisione as brincadeiras das crianças. Para utilizar as bocas de trás do fogão é importante não deixar os cabos de panela para fora. Além disso, gavetas e armários precisam de trava de segurança para impedir o acesso dos pequenos à produtos que ofereçam perigo.

Em caso de persianas com cordas, o ideal é instalar trava de segurança nos cordões. Produtos químicos e remédios sempre devem ficar no alto ou em armários trancados. É sempre importante proteger tomadas e quinas de móveis e mesas. Outra orientação aos pais é para que coloque grade ou telas de proteção nas janelas, e também não deixar baldes e bacias com água ao alcance das crianças.

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.791 outros assinantes

ÚLTIMAS