8 agosto 2022 2:39
8 agosto 2022 2:39

Rony iguala Pelé e Zico em lista de brasileiros artilheiros na Libertadores

O artilheiro do Palmeiras, comemora seu segundo gol em jogo contra o Cerro Porteño.

Por Redação Ecos da notícia

- Publicidade -

Quando o assunto é Libertadores, certamente o torcedor do Palmeiras lembra de Rony, que acumula diversas atuações importantes pelo clube e escreve cada vez mais seu nome na história do torneio sul-americano. Na noite da última quinta-feira (29), não foi diferente.

O atacante marcou dois gols na vitória do Verdão por 3 a 0 sobre o Cerro Porteño-PAR, em Assunção, no duelo válido pela ida das oitavas de final, e igualou marcas de ninguém menos que Pelé e Zico. Rony chegou aos 16 gols na história da Libertadores, mesmo número que o Rei do Futebol marcou durante sua passagem pelo Santos, na década de 60, e o Galinho anotou pelo Flamengo, nos anos 80.

E não para por aí. Com os gols marcados diante do Cerro, Rony volta a ser o atleta do atual elenco do Palmeiras mais bem colocado na lista de artilheiros brasileiros da competição continental. Ele estava empatado com Raphael Veiga, que tem 14, mas abriu dois de vantagem após balançar as redes duas vezes no Paraguai.

O brasileiro com mais gols na história da Libertadores é Luizão, com 29 gols, 13 a mais que o Rony. Veja a lista abaixo:

Os maiores artilheiros brasileiros da Libertadores:

  • 1 – Luizão: 29 gols
  • 2 – Gabigol: 26 gols
  • 3 – Fred e Palhinha: 25 gols
  • 5 – Célio Taveira: 22 gols
  • 6 – Jairzinho: 21 gols
  • 7 – Guilherme, Ricardo Oliveira e Bruno Henrique: 19 gols
  • 10 – Marcelinho Carioca, Sérgio João e Tita: 18 gols
  • 13 – Robinho: 17 gols
  • 14 – Rony, Pelé, Jardel e Zico: 16 gols

Fonte / Portal UOL

ÚLTIMAS