13 agosto 2022 3:41
13 agosto 2022 3:41

Novas carteiras de identidade e CNH já estão valendo; confira as principais mudanças

Por Redação Ecos da notícia

- Publicidade -

O Governo Federal implementou, neste ano, uma reformulação em dois dos principais documentos utilizados no país. As atualizações foram programadas tanto para o RG (Registro Geral/ carteira de identidade) quanto para a CNH (Carteira Nacional de Habilitação). No entanto, em ambos os casos a transição ocorrerá de maneira gradual. Confira o que deve mudar nas identificações oficiais e o prazo para que os cidadãos se adequem aos novos formatos.

Mudanças no RG

Entre as principais alterações implementadas no documento, está a identificação única por meio do CPF para todo país e poderá ter as informações consultadas pela internet por qualquer pessoa.

Além disso, o novo modelo terá cores verde e amerelo, presença da identificação do grupo sanguíneo e fator RH no documento, adoção de padrão internacional MRZ, que servirá o uso do documento na qualidade de passaporte em viagens para países que integram o mercosul, campo que identifica se o titular é doador de órgãos e presença de dados referentes a outros documentos (CNH, CTPS, Certidão de Nascimento).

Quando o novo RG passa a ser obrigatório

Os prazos foram estipulados de acordo conforme a faixa etária do titular.Quem possui entre 0 e 12 anos terá 10 anos para solicitar a nova versão. O cidadão que regula idade entre os 3 e 60 anos terá 5 anos para obter o novo documento. Já para os idosos maiores de 60, a versão antiga será válida por tempo indetermido.

Mudanças na CNH

Entre as novidades da nova versão do documento destaca-se o uso do nome social e da filiação afetiva do condutor que assim desejar, segundo informações da Segundo a Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran).

Além disso, a nova carteira de motorista terá design com o verde e amarelo como cores predominantes, indicadores para documentos temporários (letra “P”) ou definidos (letra “D”), nova localização da assinatura do condutor que, agora, constará embaixo da foto, holograma na parte inferior do documento, itens que somente estarão visíveis sob luz ultravioleta e campos exclusivos para restrições médicas e informações profissionais.

Quando a nova CNH será obrigatória

Como dito anteriormente, os condutores receberam a nova versão de forma gradativa, seja na emissão da primeira via, na renovação, na troca da CNH temporária pela permanente, ou em qualquer situação em que trocar ou emitir o documento.

Fonte/ Portal Yahoo.com

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS