3 julho 2022 11:32
3 julho 2022 11:32

Mulher é presa após trair marido e fingir ter sido assediada

Ocorrência foi registrada por falsa comunicação de crime; mulher chegou em casa alcoolizada

Por O Tempo

- Publicidade -

Uma mulher de 33 anos traiu o marido, fingiu ter sido vítima de importunação sexual e acabou sendo presa. O desfecho aconteceu desta forma por falsa comunicação de crime. A ocorrência foi registrada em Patos de Minas, na região do Alto Paranaíba, em Minas Gerais, nessa quarta-feira (1º).

De acordo com a Polícia Militar, a mulher saiu de casa na parte da manhã e retornou por volta das 23h. A suposta vítima estava embriagada, nervosa e apresentava muita inquietação. Conforme registrado na ocorrência, ela falou que estava em um bar quando um homem chegou e a importunou sexualmente.

Depois disso, ela teria sido forçada a ir com ele até um dormitório, pois ele queria “namorar com ela”. A mulher alegou ter gritado e, por isso, conseguiu se livrar. Na sequência, eles foram até um bar para lanchar e somente depois eles foram embora.

A versão apresentada pela suposta vítima de crime sexual levantou suspeitas e os militares foram até o dormitório. Em contato com um funcionário, ele negou a versão apresentada pela mulher.

Vigia revela

O trabalho de apuração prosseguiu e os PMs foram até um posto de combustível. Um vigia relatou que estava em horário de serviço quando viu a mulher com o outro homem juntos no bar consumindo bebida alcoólica e depois indo para o dormitório.

A mulher, conforme dito pelo vigia, deixou a moto estacionada no posto e, após voltar, beijou o homem antes de ir embora.

Diante de tudo que foi contado, a mulher ficou nervosa, xingou a testemunha e precisou ser algemada. Voz de prisão foi dada pelo crime de falsa comunicação e ela foi levada para a Delegacia de Plantão.

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.750 outros assinantes

ÚLTIMAS