22 junho 2022 1:54
22 junho 2022 1:54

Homens são presos por golpe e exploração sexual de prostituta

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

Dois homens, de 23 e 38 anos, foram presos em flagrante nessa terça-feira (31) suspeitos de contratarem uma prostituta, de 21 anos, e não pagarem ela pela serviço contratado. Os dois são investigados pela Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher.

O suspeito de 23 anos é investigado por estelionato cometido contra a jovem. Já o homem de 38 anos é suspeito de manter uma casa de prostituição onde a vítima foi enganada.

A vítima relatou à Polícia Civil que havia sido contratada pelo jovem para fazer programa sexual, por meio de um site que anuncia garotas de programa, mas não recebeu a quantia acertada. Na investigação, a Deam identificou que o dono da casa de prostituição era quem havia acertado o encontro entre a ela e o outro suspeito.

“A mulher relatou que havia acertado, por meio de um aplicativo, o qual anuncia garotas de programa, um encontro aonde um homem a contratou para fazer programa com um primo dele, e que transmitiria o ato por videochamada e, logo após o término da relação, ela receberia o valor acordado”, detalhou a delegada Jaira Farias.

Porém, conforme a delegada, o valor não foi pago. O suspeito afirmou que não tinha contratado a garota de programa e, por isso, não pagaria o valor cobrado por ela. Ele, segundo a polícia, ainda disse que também tinha sido contratado pelo dono da casa.

Os três foram levados para a Deam. Na unidade, segundo a Polícia Civil, o dono da casa “confessou que mantêm sites para promover a prostituição, assim como a casa onde aluga quartos para que os encontros sexuais sejam realizados.”

Após ouvir todos os envolvidos, a delegada atuou em flagrante o jovem de 23 anos por estelionato, e o outro suspeito por manutenção de casa de prostituição e rufianismo, que é o crime de “tirar proveito da prostituição alheia, participando diretamente de seus lucros ou fazendo-se sustentar, no todo ou em parte, por quem a exerça”.

Depois de presos, estava previsto que os dois fossem levados para a audiência de custódia nesta quarta-feira (1º). “Estão sendo tomadas as medidas necessárias para que o site de prostituição criado por um dos flagranteados seja derrubado”, informou a delegada.

Fonte: G1 RR

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.693 outros assinantes

ÚLTIMAS