5 julho 2022 10:16
5 julho 2022 10:16

Delegacia virtual implantada no Acre abrange hoje mais nove estados

Por Neucimar Taveira, da Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

A Delegacia Virtual do Ministério da Justiça (Devir) é uma ferramenta para registros de boletins de ocorrência, que podem ser feitos de qualquer dispositivo móvel ou pelo computador, e funciona 24 horas por dia. Seu objetivo é fornecer comodidade ao cidadão no registro dos tipos de ocorrência relacionados, sem a necessidade de deslocamento até uma Delegacia de Polícia.

Esse dispositivo foi desenvolvido para a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), do Ministério da Justiça, e foi implantado inicialmente no Acre, em agosto de 2020.

Hoje os estados de Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Piauí, Rio Grande do Norte, Roraima, Sergipe e Tocantins também já usam essa ferramenta.

É permitido registro de todo e qualquer tipo de ocorrência policial, desde que a unidade federativa manifeste o desejo de integrar o sistema. Para o registar o BO o interessado precisa ter mais de 18 anos e uma conta ativa no sistema gov.br.

A partir daí, basta acessar a Delegacia Virtual e selecionar em qual estado foi cometido o fato. Depois, o usuário é encaminhado para uma página com orientações gerais sobre o uso do sistema. Nela são mostrados os tipos de ocorrências que podem ser registrados e, então, é solicitado o preenchimento dos dados requisitados na página.

Após a conclusão do registro, o cidadão poderá acompanhar todos os passos do BO por meio da plataforma e também como está o status do atendimento.

Importante:

Você NÃO PODE registrar a ocorrência on-line se:

1. A pessoa que comunica o fato ou o suspeito de praticar o crime for menor de idade;

2. Quando a vítima tenha sofrido lesão corporal (ferimentos);

3. Quando para a prática o crime tenha realizado arrombamento contra a coisa ou objeto (danos decorrentes de destruição ou rompimento de cadeado, lacre, ou tranca em portas, janelas etc.);

4. Subtração de veículo automotor;

5. Ocorrência envolvendo arma de fogo, munições, explosivos, medicamentos ou produtos químicos.

Nestes caso, você deve procurar uma delegacia e registrar a ocorrência pessoalmente.

Registro falso é CRIME!

Comunicação falsa de crime ou contravenção está sujeita às penas dos Arts. 138, 339 e 340 do Código Penal Brasileiro.

Em caso de NÃO atendimento de quaisquer das orientações, sua solicitação de registro será cancelada.

 

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.801 outros assinantes

ÚLTIMAS