27 maio 2022 9:35
27 maio 2022 9:35

Rússia diz avançar no leste da Ucrânia; ataque com 7 mísseis mata em Odessa

Invasão Russa em território ucraniano já dura 76⁰.

Por Redação Ecos da notícia

Ministério da Defesa russo disse, hoje, que suas tropas, junto com forças pró-Rússia, tomaram a cidade de Popasna, na região de Lugansk, leste ucraniana. Segundo o ministério, elas “concluíram a limpeza” da cidade “de nacionalistas e romperam a defesa inimiga”. Segundo os russos, foi alcançada a “fronteira administrativa da República Popular de Lugansk”, área separatista. O governador de Lugansk, Sergey Gaiday, disse que a informação do ministério russo é uma “fantasia”. “Eles também voaram para Marte e capturaram [o planeta]”, ironizou. Segundo Gaiday, as tropas ucranianas “se retiraram de Popasna para assumir posições mais fortificadas”. “Nossa defesa é forte. Não há avanços”.

Foto cedida.

Em seu relatório, a Defesa ucraniana citou que as tropas russas “estão realizando operações ofensivas no leste de nosso país para estabelecer o controle total sobre o território das regiões de Donetsk e Lugansk e manter um corredor terrestre entre esses territórios e a Crimeia ocupada”. A guerra russa na Ucrânia entrou hoje no 76º dia com as autoridades de Odessa, no sul ucraniano, contabilizando ao menos uma morte e cinco pessoas feridas após um ataque com sete mísseis. Ontem, a Defesa da Ucrânia já havia alertado para o aumento do número de mísseis da Rússia na região do Mar Negro. “‘O mundo russo’ parabenizou a Cidade Heróica de Odessa em 9 de maio lançando sete mísseis contra ela”, disse o prefeito da cidade, Gennady Trukhanov. Segundo o serviço de emergências da Ucrânia, um shopping center e armazéns foram atingidos. Na mesma cidade, também houve um ataque com mísseis hipersônicos. De acordo com a administração militar regional, três projéteis Kinzhal, um dos mais modernos do arsenal russo, foram lançados de um avião e atingiram um hotel na noite de ontem.

Em seu relatório, a Defesa ucraniana citou que as tropas russas “estão realizando operações ofensivas no leste de nosso país para estabelecer o controle total sobre o território das regiões de Donetsk e Lugansk e manter um corredor terrestre entre esses territórios e a Crimeia ocupada”.

A guerra russa na Ucrânia entrou hoje no 76º dia com as autoridades de Odessa, no sul ucraniano, contabilizando ao menos uma morte e cinco pessoas feridas após um ataque com sete mísseis. Ontem, a Defesa da Ucrânia já havia alertado para o aumento do número de mísseis da Rússia na região do Mar Negro.

“‘O mundo russo’ parabenizou a Cidade Heróica de Odessa em 9 de maio lançando sete mísseis contra ela”, disse o prefeito da cidade, Gennady Trukhanov. Segundo o serviço de emergências da Ucrânia, um shopping center e armazéns foram atingidos.

Foto cedida.

Na mesma cidade, também houve um ataque com mísseis hipersônicos. De acordo com a administração militar regional, três projéteis Kinzhal, um dos mais modernos do arsenal russo, foram lançados de um avião e atingiram um hotel na noite de ontem.

Fonte/ uol.noticias

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.277 outros assinantes

ÚLTIMAS