11 agosto 2022 6:29
11 agosto 2022 6:29

Mutirão de cirurgias que vai realizar pelo menos 5 mil procedimentos até o final do ano começa nesta quarta-feira,18

“A vida toda sonhei em ser governador para ajudar as pessoas. E hoje não poderia estar mais feliz em ver que está dando certo”, diz Gladson cameli na Fundhacre

Por Tião Maia, da Redação do Ecos da Notícia

- Publicidade -

“Não posso, como ser humano e governador, deitar minha cabeça num travesseiro e dormir sabendo que há milhares de pessoas sofrendo, que algumas até já morreram, por falta de cirurgias que já deveriam ter sido feitas”.

Gladson Cameli recebe o reconhecimento de pacientes no Hospital da Fundação hospitalar do Estado

A declaração foi dada na manhã desta terça-feira, 17, nas dependências do Hospital da Fundação Hospital do Acre (Fundhacre), pelo governador Gladson Cameli. Ele foi ali, acompanhado da secretária de Estado de Saúde, Paula Mariano, e do presidente da Fundhacre, João Paulo Silva, anunciar que, a partir desta quarta-feira, 18, começa o mutirão de cirurgias que visa zerar, até o final do ano, a fila de pessoas que precisam desse tipo de procedimento.

Gladson Cameli recebe o reconhecimento de pacientes no Hospital da Fundação hospitalar do Estado

“A vida toda sonhei em ser governador para ajudar as pessoas. E hoje não poderia estar mais feliz em ver que está dando certo. Iniciamos, na Fundação Hospitalar, um dos projetos mais importantes da nossa gestão: o mutirão de cirurgias eletivas.Nosso objetivo é diminuir a fila de espera e melhorar a qualidade de vida de quem mais precisa”, afirmou gladson Cameli.

Gladson Cameli recebe o reconhecimento de pacientes no Hospital da Fundação hospitalar do Estado

“Nos próximos seis meses, vamos atender mais de cinco mil pessoas nas especialidades de cirurgia-geral, vascular, urologia, ginecologia, cabeça e pescoço, otorrino, mastologia e pediatria”, acrescentou.

Os recursos envolvidos são da ordem de R$ 25 milhões. “Aqui não posso deixar de agradecer ao Detran, que destinou R$ 15 milhões à saúde, e também ao senador Márcio Bittar pela emenda de R$ 10 milhões, e o deputado federal alan Rick, que está sempre nos ajudando”, disse.

Também tivemos a entrega de equipamentos para atender os serviços de fisioterapia da oficina ortopédica e Hospital do Idoso. Mais de R$ 800 mil em investimentos”, afirmou o governador.

Gladson Cameli recebe o reconhecimento de pacientes no Hospital da Fundação hospitalar do Estado

Segundo ele, “a palavra de hoje é gratidão!” . Gratidão “a todos que estão empenhados para termos condições de realizar esse grande mutirão, meu muito obrigado”, acrescentou.

Inicialmente, a previsão é de que ocorra pelo menos cinco mil cirurgias. O presidente da Fundhacre, João Paulo Silva disse que há uma série de fatores para que essas cirurgias ficassem represadas por tanto tempo. “São vários os fatores. Diminuição do quadro de médicos especialistas, diminuição da capacidade física dos hospitais e o aumento da população. Mas todos esses problemas agora serão corrigidos”, afirmou.

Galeria de Imagens:

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS