24 maio 2022 7:22
24 maio 2022 7:22

Mais de 550 servidores da Educação do AC podem ter salário bloqueado se não atualizarem cadastro anual

Governo publicou no DOE deste quinta-feira (12) lista com nomes de servidores que precisam atualizar os dados até o dia 15 de maio. Dados podem ser consultados a partir da página 18.

Por G1 Ac

Uma lista com o nome de mais de 550 servidores foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quinta-feira (12) para que atualizem os dados junto às Secretarias de Educação e Saúde do Estado.

A lista com a matrícula, nome do servidor, cargo, situação da atualização cadastral e município de lotação pode ser consultada a partir da página 18 do DOE.

Os servidores da Educação têm até o dia 15 de maio para comparecer à Coordenação de Vida Funcional/SEE ou à Representação da SEE de seu município para regularizar as pendências. O documento foi assinado pela chefe do Departamento de Gestão de Pessoas, Maria de Nazaré Rodrigues.

Quem deixar de fazer a atualização cadastral dentro do prazo e sem justificativa deve ter o pagamento dos vencimentos bloqueado.

No caso dos servidores listados nesta quinta que não regularizarem a situação, o bloqueio do salário será referente ao mês de junho, obedecendo o calendário de folha de pagamento do governo do estado.

Como fazer

  • A primeira fase do recadastramento é realizada pela internet. O servidor deve preencher um formulário online e este procedimento vai gerar um comprovante que deve ser validado presencialmente.
  • Depois disso, o servidor terá dois dias úteis para dar início à segunda fase do recadastramento que é o comparecimento ao setor de Recursos Humanos do órgão onde está lotado.
  • O recadastramento presencial ocorre de acordo com um cronograma que leva em consideração a data de nascimento dos servidores.

Por conta da pandemia, em dezembro do ano passado, a equipe do governo alterou o decreto 4.852 de 2019 e tornou obrigatória a comprovação de vacinação contra a Covid-19 no processo de atualização cadastral dos servidores públicos estaduais.

No entanto, com o avanço da imunização e, consequente, redução dos casos óbitos, essa medida foi revogada no último dia 28 de abril.

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.224 outros assinantes

ÚLTIMAS