12 maio 2022 5:22
12 maio 2022 5:22

mágoas’, diz mãe sobre suspeito de atirar na filha de 18 anos que está na UTI em hospital do Acre

Roneide Lima da Silva ora pela recuperação da filha Samara Jacob, de 18 anos, que está na UTI desde a última sexta (6) após ter sido baleada em Plácido de Castro. Suspeito fugiu após o crime e ainda não foi preso.

Por Redação Ecos da Notícia

O Dia das Mães, celebrado neste domingo (8), da autônoma Roneide Lima da Silva, de 48 anos, será de oração e pedidos a Deus pela recuperação da filha Samara Jacob, de 18 anos, que está na UTI do pronto-socorro de Rio Branco após ser baleada no Centro de Plácido de Castro, no interior do estado.

Samara andava de bicicleta na última sexta-feira (6) com uma amiga quando um homem em uma motocicleta se aproximou, a derrubou, atirou nela e fugiu. A jovem foi socorrida em estado grave e encaminhada para a capital.

A Polícia Civil divulgou uma imagem do suspeito para ajudar na captura, mas até este domingo, ninguém foi preso pelo crime.

Roneide acompanha o tratamento da filha. Em conversa com o g1, ela disse que não sente raiva de quem atirou ou quem mandou atirar na filha, mas que deseja justiça pelo o que ocorreu. Ela pensa agora na recuperação da jovem e usa a fé para conseguir um milagre.

“Que a justiça do homem venha agir, mas temos a certeza que de Deus é quem prevalece. A gente quer que seja feita justiça, que descubram quem foi, mas quem fez isso tem mãe também. Assim como não desejo mal para meus filhos, não desejo para eles. Não tenho mágoas, sempre ensino para meus filhos que a raiva, o ódio não são bons remédios. Não tenho raiva”, contou a mãe.

Jovem pode ficar sem andar

Roneide revelou que uma das balas está alojada na coluna de Samara. A previsão dos médicos, inicialmente, é de que a jovem não volte a andar. Ela já passou por uma cirurgia e deve passar por outra no hospital.

“Ela está consciente na UTI. Aconteceram muitas coisas com minha filha, saiu muito cedo de casa para casar, se envolveu com algumas coisas erradas, mas hoje mora comigo e a filha dela. Sobre esse fato, não sei qual o motivo disso, a razão. Ela é muito fechada, não conversa muito comigo”, falou.

A mãe acrescentou também que o ex-marido da filha foi preso recentemente por assalto. Contudo, ela afirma não desconfiar do homem. “Ele tinha uma vida errada, como qualquer outra pessoa, mas sempre foi um bom marido para ela, sempre foi bom. Sempre foi bom para ela”, argumentou.

Dia das mães

Samara é a única filha mulher de Roneide. Ela é mãe de outros dois rapazes e disse que vai ficar com eles e a neta de 2 anos neste domingo recebendo amor, carinho e força.

“Estou muito triste por isso, vendo minha filha na situação que está. Por outro lado, estou feliz porque minha filha está com vida, Deus deu mais uma oportunidade para ela. Isso é uma tristeza misturada com alegria. Meu desejo é que ela fique bem”, pontuou.

Investigação

O delegado responsável pelo caso, Danilo Almeida, explicou que ainda não descobriu a identidade do suspeito, mas que o crime tem perfil de execução. Samara não teve nenhum bem levado e o suspeito atirou diversas vezes nela, mesmo quando ela tentava fugir.

“Sabemos que o autor tinha o propósito específico de matar. Estamos coletando elementos probatórios, mas ainda não possuímos linha investigativa. O motivo do crime, por ora, não está devidamente delineado”, destacou.

Almeida afirmou que a jovem não tem ligação com facções criminosas. Contudo, ela tem amizades com pessoas envolvidas em crimes. “Apesar de ter relação de proximidade com algumas pessoas, o ex-marido está preso, mas pelo o que sei não tem envolvimento”, concluiu.

Por G1 Acre

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.181 outros assinantes

ÚLTIMAS