23 maio 2022 12:33
23 maio 2022 12:33

Mãe compartilha fotos comoventes da filha que morreu na tentativa de conscientizar os pais

Emily Lang está tentando passar uma mensagem de conscientização para os pais que deixam os filhos novos em contato com muitas pessoas

Por Pais&filhos

Em uma tentativa de conscientizar os pais, uma mãe compartilhou fotos comoventes da filha que faleceu depois de pegar um vírus. Presley Meekes, de 11 meses, morreu após pegar um vírus sincicial respiratório (VSR), segundo a mãe. A criança foi levada às pressas para o hospital, mas em apenas dois dias o coração do bebê parou diversas vezes.

Emily Lang, de Bismarck, em Dakota do Norte, acredita que a filha pegou o vírus quando brincou com um outro bebê, filho de um amigo, que estava doente mas não alertou os pais. Segundo a família, Presley já tinha um sistema imunológico mais frágil, devido a um raro distúrbio genético.

Mãe compartilha fotos comoventes da filha que morreu na tentativa de conscientizar os pais (Foto: Reprodução/Kennedy News and Media)

A mulher tem 20 anos e agora está alertando os outros pais a tomarem cuidado com a saúde dos bebês: “É uma loucura como isso pode se espalhar tão rápido beijando um bebê. Você tem que estar doente e beijar ou tocar um bebê”, disse a mulher. “O bebê da minha amiga estava brincando com muitos dos brinquedos dela e levava eles na boca.”

De acordo com o site NHS, a maioria dos bebês contrai o vírus antes dos dois anos de idade, mas em algumas situações pode se tornar grave. No caso de Presley, a mãe teve que tomar a difícil decisão de desligar o suporte de vida da filha. “Foi de partir o coração, mas saber que eu pude passar 11 meses com ela foi ótimo”, comentou a mãe.

Mãe compartilha fotos comoventes da filha que morreu na tentativa de conscientizar os pais (Foto: Reprodução/Instagram)

Emily ainda passou uma mensagem te conscientização para os pais: “Minha mensagem para as pessoas que beijam bebês é para ficar longe. Mesmo que você ache que não está doente, não é seu bebê. Seja cuidadoso. Não leve crianças doentes para brincar.”

Mãe compartilha fotos comoventes da filha que morreu na tentativa de conscientizar os pais (Foto: Reprodução/Instagram)

A mãe descobriu do raro distúrbio da filha logo quando nasceu, em novembro de 2020. “Quando ela nasceu, ela não estava respirando, então eles a mandaram direto para a UTIN e então notaram que ela tinha um distúrbio genético raro que fazia com que seu sistema imunológico ficasse muito fraco”, contou Emily.

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.224 outros assinantes

ÚLTIMAS