3 julho 2022 6:02
3 julho 2022 6:02

Assistentes escolares de Rio Branco participam de formação continuada

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

O governo do Estado, por intermédio da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes (SEE), por meio do Departamento de Formação e Assistência Escolar, está ofertando curso de formação continuada para os assistentes escolares da rede urbana de Rio Branco. O segundo encontro é realizado nesta quinta-feira, 19, no auditório da secretaria. O primeiro ocorreu no Instituto de Educação Lourenço Filho (IELF).

São em torno de 220 assistentes escolares que realizam a formação, tanto no período da manhã quanto no período da tarde. De acordo com a chefe do Departamento de Formação, professora Lídia Cavalcante, o curso tem 160 horas de duração e sua conclusão está prevista para o mês de outubro.

Dentro do eixo formativo dos assistentes tem noções básicas de libras, noções de primeiros socorros, práticas escolares, além do eixo sobre as competências socioemocionais dos alunos. Além deles, o departamento pretende dar continuidade à formação de merendeiras, que foi pausado devido à pandemia, para porteiros e também assistentes de bibliotecas.

“Trabalhos com uma metodologia ativa, onde a gente adequa o aprendizado à pratica do profissional e ao nível de ensino que ele possui e, neste segundo momento, estamos relembrando o que eles aprenderam no primeiro encontro, além de exercitar a parte teórica, uma revisita aos eixos trabalhados”, afirma a professora Lídia.

O curso, explica, tem o objetivo de capacitar os assistentes escolares tendo em vista que eles também são educadores. “Essa formação é para que eles atuem de forma qualificada e que possam atender os nossos estudantes da melhor forma possível e os resultados escolares sejam ainda melhores”, disse.

Após a conclusão do curso em Rio Branco, a meta do departamento, segundo ela, é levar a mesma formação para os profissionais que atuam no interior do estado. “Por se tratar de um curso presencial, vamos levar também ao interior, não apenas esse, mas outros também”, frisou.

A servidora Graça Pedrosa é uma das alunas do curso. Ela trabalha na Escola Governador José Augusto, localizada no bairro Boa União, na região da Baixada da Sobral. Para ela, os tutores tem dado um incentivo muito grande e o curso tem sido grande valia. “Quanto mais incentivo a gente tiver, melhor”, enfatiza.

Já de acordo com a gestora da Escola Almada Brito, localizada na região do Calafate, professora Elane Soares, além de mais felizes, os assistentes retornam para o ambiente escolar mais capacitados. “A equipe da SEE organizou muito bem esse curso porque eles retornam com o desejo de compartilhar os saberes”, disse.

Fonte: Agência Acre

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.750 outros assinantes

ÚLTIMAS