24 maio 2022 3:37
24 maio 2022 3:37

PF encontra três corpos em reserva indígena

Por Redação Ecos da Notícia

A PF (Polícia Federal) encontrou, neste sábado (30), três corpos na Reserva Indígena Parakanã, na região leste do Pará, próximo ao município de Novo Repartimento. A região onde os corpos foram encontrados é a mesma onde três caçadores estão desaparecidos desde o último domingo (24), após terem entrado na terra indígena para caçar. A área, conforme o MPF (Ministério Público Federal), é equivalente a 350 mil campos de futebol.

Segundo a PF, “ainda não é possível afirmar de quem se trata, tampouco a causa das mortes, sendo necessária, para isso, a realização de perícia criminal”. Os exames periciais estão sendo realizados no local, e a autópsia e a identificação dos corpos serão feitas por médicos-legistas da Polícia Científica do Pará, no município de Marabá, e peritos criminais da PF.

A corporação informou que continua a investigar a fim de identificar os autores. “Cumpre ressaltar que a investigação da Polícia Federal contou com o total apoio da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros Militar, da Polícia Rodoviária Federal e da Força Nacional, envolvendo mais de 150 agentes de segurança nas buscas, desde que se soube do desaparecimento de três pessoas na região”, informou.

Na última quarta-feira (27), representantes de órgãos públicos se reuniram para definir as ações conjuntas no âmbito da investigação do desaparecimento de três homens. Participaram do encontro o MPF, a PF, a PRF (Polícia Rodoviária Federal), a Polícia Militar, a Funai (Fundação Nacional do Índio) e o Corpo de Bombeiros Militar.

O caso gerou o acirramento dos ânimos entre os familiares dos desaparecidos e a comunidade indígena. Na referida reunião, o MPF solicitou à PF que abrisse um inquérito e declarou que “os indígenas manifestaram apoio às buscas, pedindo a garantia de segurança na localidade”.

Por R7

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.224 outros assinantes

ÚLTIMAS