16 maio 2022 6:25
16 maio 2022 6:25

Com câmbio baixo, viajar para o exterior ficou mais barato

Por Redação Ecos da Notícia

Com o dólar abaixo dos R$5,00, os brasileiros puderam perceber que algumas estadias fora do Brasil ficaram mais baratas. Isso porque, com a moeda americana em queda, viajar para o exterior ficou mais barato e, com isso, muitos estão aproveitando para reservar estadias em outros países. Com isso, a demanda em sites e empresas de turismo tem crescido cada vez mais.

Dessa forma, vamos falar sobre os impactos do dólar para quem quer viajar para o exterior. Ainda, vamos dar dicas de como economizar muito na sua próxima viagem, seja na compra da moeda, seja na sua estadia ou passagem.

O dólar caiu

O dólar está em queda livre nesse ano de 2022. Até agora, a moeda americana perdeu mais de 15% de seu valor ante ao real. Para quem precisa comprar ou gastar em moeda estrangeira, esse é um excelente momento para planejar o seu próximo destino. Isso porque viajar para o exterior ficou mais em conta.

Apesar disso, analistas dizem que a moeda pode voltar a subir a qualquer momento. Contribuem para isso o mau momento da economia brasileira, mas também um cenário eleitoral que, usualmente, causa distúrbios no mercado financeiro. Com isso, o dólar pode apresentar variações bruscas para cima, o que pode atrapalhar os planos de quem vai viajar para o exterior.

Com isso, é hora de começar a planejar a próxima viagem e economizar muito com isso. Diante desse cenário, é possível viajar para o exterior gastando muito menos do que você usualmente gasta nas suas férias.

Como economizar ao viajar para o exterior?
Uma viagem demanda que você programe muitas coisas. Além das passagens e da estadia, viajar para o exterior requer que você preveja outros gastos, como alimentação, transporte e, para alguns destinos, até as gorjetas que você pagará pelos serviços. Por isso, é importante colocar tudo na ponta do lápis.

Para economizar na passagem, você pode usar cartões de crédito que pontuam em milhas aéreas. Nessas modalidades, você ganha pontos em cima da fatura do seu cartão. Ainda, fazer compras em lojas parceiras permite que você ganhe ainda mais pontos para, posteriormente, trocar por passagens para viajar para o exterior.

Na estadia, a economia já está acontecendo. Isso porque a moeda estrangeira está em queda e, com isso, a conversão fica mais favorável aos brasileiros que querem viajar para o exterior. Contudo, é importante que você não escolha o hotel apenas pelo preço. Isso porque de nada adianta pagar menos em um hotel que fica muito longe dos passeios que você quer fazer. Por isso, use sempre o bom senso.

Além disso, com o atual cenário, é sempre necessário ver os requisitos do país em relação à vacinação. Você pode pesquisar as regras através da internet. Por outro lado, para o transporte, é sempre uma excelente ideia calcular o valor de um aluguel de carro. Para saber se vale a pena, basta contrastar com o preços das passagens de transporte público no país de destino. Contudo, uma das maiores despesas para viajar para o exterior é ter a moeda local em espécie. Para isso, você pode usar contas internacionais. Elas usam um IOF menor que o cartão de crédito comum, além de muitos terem parcerias para retirada em espécie em casas de câmbio específicas.

Por Brasil 123

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.199 outros assinantes

ÚLTIMAS