23 maio 2022 9:36
23 maio 2022 9:36

Camisa usada por Maradona no gol ‘la mano de Dios’ será leiloada por R$ 24 milhões

Por Redação Ecos da Notícia

Uniforme do astro na vitória sobre a Inglaterra pode bater o recorde de peça esportiva mais cara de todos os tempos.

Buenos Aires – A camisa usada por Diego Maradona no histórico jogo contra a Inglaterra, na Copa do Mundo de 1986, quando ele marcou dois gols, será leiloada pela famosa casa de leilões Sotheby’s. Azul e com o número 10 estampado nas costas, a camisa pertencia ao meio-campista inglês Steve Hodge, que trocou seu uniforme com Maradona no final da partida.


(Foto: Divulgação Sotheby´s)

O jogo, vencido pela Argentina por 2 a 1, é lembrado como um dos mais controversos da história das Copas, principalmente pelo primeiro gol de Maradona. O ex-jogador do Nottingham Forest e do Aston Villa resolveu doar anos mais tarde a camisa da seleção da Argentina ao Museu Nacional do Futebol em Manchester, na Inglaterra, para ficar em exibição.

Depois da vitória argentina, Maradona alimentou a polêmica ao reconhecer que o gol “foi com a cabeça de Maradona e a mão de Deus”.

Em comunicado à AFP, a Sotheby’s informou que a camisa ficará em exibição em Londres até o leilão, que será online e deverá acontecer entre 20 de abril e 4 de maio. O lance inicial é de 5,2 milhões de dólares (R$ 24,4 milhões, na cotação atual). Portanto, é bem provável que a peça se torne a camisa de atleta mais cara de todos os tempos.

Atualmente, o recorde pertence à camisa de Babe Ruth, lenda do beisebol, quando jogava no New York Yankees. O uniforme foi vendido por 5,64 milhões de dólares (R$ 26,49 milhões).

Maradona faleceu em novembro de 2020 aos 60 anos de idade, após sofrer um ataque cardíaco em sua casa. Com a camisa da seleção da Argentina, disputou 91 partidas e anotou 34 gols, tendo conquistado o Mundial de 1986.

Fonte: Portal R7

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.223 outros assinantes

ÚLTIMAS