23 maio 2022 1:05
23 maio 2022 1:05

Com desabrigados em escolas, Educação de Cruzeiro do Sul depende do nível do Juruá para início do ano letivo

Por Juruá Online

Em diálogo com o Conselho Municipal de Educação e gestores, a secretaria da área tenta iniciar as aulas de forma presencial.

O calendário de voltas às aulas já está pronto, afirma Valdenizio Martins, secretário de Educação. “Estamos com todo o interesse e cuidado para iniciar o ano letivo de forma presencial. A volta às aulas terá uma atenção maior aos cuidados emergenciais”, detalha Martins.

Os alunos deverão fazer uso de máscaras, álcool gel e distanciamento social. A Secretária de Educação conta que fez todo um investimento para o retorno ser o mais seguro possível.

No calendário, o início está previsto para dia 4 de abril. Porém, com as escolas ainda servindo como abrigo para as famílias atingidas pela enchente, essa data ficou ainda mais incerta. São mais de 8 escolas abrigando famílias na área urbana, e pelo menos 7 em áreas alagadas.

De acordo com Valdenizio Martins, dependendo do nível do rio, haverão duas opções: aulas presenciais e remotas.

Apesar da cheia, o Juruá tem apresentado leve vazante, o que traz pouca esperança para a concretização na data marcada. Se o rio não baixar, o reinício das aulas presenciais acabará sendo adiado.

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.224 outros assinantes

ÚLTIMAS