5 julho 2022 9:56
5 julho 2022 9:56

Nicolau defende reajuste para servidores em evento na fronteira

Por Redação Ecos da Notícia

- Publicidade -

O Instituto de Meio Ambiente do Acre (IMAC) e a Secretaria de Meio Ambiente e dos Povos Indígenas( SEMAPI), entraram nesta quinta feira (24), em Brasiléia, o Centro Integrado de Meio Ambiente (CIMA) unidade que vai agregar oito secretarias do Estado.

Convidado para participar do evento, o presidente da Assembléia Legislativa, Nicolau Júnior, enfatizou que o governo vem executando no Meio Ambiente todas as ações previstas no plano de governo, e destacou que a entrega do espaço vai facilitar a vida do homem do campo na região do Alto Acre.

“ Isso vai facilitar a vida dos produtores que terão em um só lugar os serviços que antes eles precisavam ir à Rio Branco e peregrinar por vários órgãos. Parabenizo os gestores que atuaram para que essa obra saísse do papel”, disse o presidente.

Nicolau aproveitou a ocasião para defender o reajuste salarial que o governo, segundo ele, deve anunciar nos próximos dias. O deputado lembrou que hoje o Acre tem 32.811 servidores ativos e uma folha salarial de R$ 283 milhões. Ele disse ser favorável a concessão de um auxílio de forma linear, contemplando assim, principalmente, os servidores que recebem menores salários.

“ Defendo a ideia da concessão de um auxílio que possa contemplar todos os servidores. Tenho certeza que o governador não irá tomar uma atitude irresponsável de colocar a folha em risco. Agradeço pela receptividade aqui no Alto Acre e deixo meu fraterno abraços a todos vocês”, colocou o presidente.

Estiveram no evento o presidente do IMAC, André Hassem, o secretário de Meio Ambiente, Israel Miami, a prefeita de Brasiléia, Fernanda Hassem e a deputado federal Vanda Milani.

Galeria de Imagens:

Fonte: Agência Aleac

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.795 outros assinantes

ÚLTIMAS