22 maio 2022 3:53
22 maio 2022 3:53

Vídeo: De propósito, motorista mata cachorra atropelada

Por Portal Tucumã

Câmeras de seguranças registraram um crime chocante em uma rua do bairro São Jorge, Zona Oeste de Manaus. As imagens mostram o momento em que um motorista, ainda não identificado passa intencionalmente por cima de uma cadela que estava deitada no meio da rua. As imagens causaram indignação nas redes sociais.
No vídeo, o carro se aproxima lentamente sobre o animal e em nenhum momento tenta desviar ou buzinar para que a cadela saia da rua.
A tutora de Laila, Iamilly Campos, divulgou as imagem nas redes sociais e pediu justiça pela sua cachorrinha. As pessoa que viram a publicação foram informadas pela tutora que a Laila havia morrido. Ela disse que fez Boletim de Ocorrência (BO).
Um grupo de defesa animal informou que já identificou o agressor e que irão tomar providências contra o suspeito. “Informo que o veículo já foi identificado e vamos cobrar das autoridades competentes para o mesmo responda por crime de maus tratos, isso não ficará impune! Não pense que a causa animal vai se calar perante crimes como esse”, afirma a nota.
De acordo com o artigo 32 da Lei de Crimes Ambientais, é caracterizado como maus-tratos praticar atos de abuso, ferir ou mutilar animais. A regra vale para os domésticos, domesticados, silvestres, nativos ou exóticos.
O Projeto de Lei PL 4.786/2020, que tramita no Congresso, altera o Código de Trânsito Brasileiro (CTB — Lei 9.503, de 1997), com objetivo de responsabilizar o condutor do veículo que causar o acidente com animal.
Atualmente não existe norma que puna o atropelamento de cães e gatos. Com a proposta, a pena para o responsável será de detenção de seis meses a dois anos e suspensão ou proibição para dirigir veículo automotor.
Veja vídeo


RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.232 outros assinantes

ÚLTIMAS