3 janeiro 2022 10:48 am
30.3 C
Rio Branco
3 janeiro 2022 10:48 am

Sargento da Aeronáutica é assassinado a tiros dentro da sua cafeteria

Da Redação Ecos da Notícia
-------- Continua depois da Publicidade--------

O sargento da Aeronáutica Lucas Ramos, 29 anos, foi assassinado com três tiros na cabeça no começo da noite desta quarta-feira, 01/09, dentro da sua cafeteria, localizada na avenida Airão, bairro Praça 14 de Janeiro, zona sul de Manaus.

Segundo informações dos funcionários, o autor dos tiros foi um homem (não identificado) que chegou em uma motocicleta modelo Factor, de cor preta, e estacionou na frente do estabelecimento, entrou se passando por cliente e pediu que lhe fosse servido um lanche.

Uma das atendentes preparou o pedido e o proprietário do estabelecimento, Lucas Ramos foi  quem serviu o lanche na mesa, foi neste momento que ele foi surpreendido com os tiros de pistola. Os funcionários tentaram socorrer o sargento no Hospital Santa Júlia situado ao lado da cafeteria onde aconteceu o crime, no entanto, ele não resistiu aos ferimentos e faleceu quando era socorrido.

De acordo com os clientes da cafeteria que presenciaram o crime, o homem que disparou os tiros, deixou o local rapidamente, dirigindo a motocicleta que havia deixado na frente do estabelecimento.

A equipe de plantão da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) esteve no local e confirmou que o empresario era genro do dono do Hospital Santa Júlia, e deixa um filho pequeno e esposa a médica Elza Gonçalves que está grávida de 3 meses, recentemente o casal fez o chá revelação para saber o sexo do bebê. Ele era também militar na patente de Sargento da Aeronáutica Brasileira.

Os policiais da DEHS ainda devem conversar com familiares do Sargento, para buscar pistas que ajudem a descobrir o motivo e a autoria do assassinato de Lucas.

Foi descartado qualquer suspeita de latrocínio, pois nada foi roubado do militar e após ser dado início à investigação o corpo do Sargento Lucas Ramos foi removido do necrotério da Clínica Santa Júlia pela equipe do Instituto Médico Legal (IML).

Fonte: Fiscaliza Amazonas

 

-------- Continua depois da Publicidade--------
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS