10 janeiro 2022 8:02 pm
27.3 C
Rio Branco
10 janeiro 2022 8:02 pm

Prefeitura de Rio Branco lança Projeto Hortas e Fazendinhas nas escolas

Dircom - Prefeitura de Rio Branco
-------- Continua depois da Publicidade--------

A Prefeitura de Rio Branco, através da Secretaria Municipal de Educação (Seme), em parceria com as secretarias de Meio Ambiente e de Agricultura Familiar, iniciou neste dia 10 de janeiro, o projeto piloto, Hortas e Fazendinhas nas Escolas.

A ação foi realizada na Escola Municipal Chrizarubina Leitão, com o objetivo de conscientizar os alunos sobre a prática da alimentação saudável e da conservação do solo, além de estimular a cultura do agronegócio.

O prefeito Tião Bocalom é entusiasta da formação da ideia e fez questão de prestigiar o lançamento do projeto que, em sua fase inicial, chegará 15 escolas.

De acordo com a secretária de Educação, Nabiha Bestene, a iniciativa prevê que os alunos adquiram hábitos naturais para o seu desenvolvimento saudável e, ao mesmo tempo, formem uma consciência da disposição agrícola da região.

“As escolas que possuem espaços físicos para desenvolver esse projeto, chamado de Hortas e Fazendinhas, nós iremos implantar. Temos ainda três anos pela frente, no momento apenas umas 15 escolas receberão o projeto piloto, vamos dar prosseguimento e depois vamos expandir para as demais escolas”, explicou Nabiha.

Estiveram presentes os secretários Eracides Caetano (Agricultura), Normando Sales (Meio Ambiente), vereador Ismael Machado, técnicos da Secretaria de Educação, a coordenadora do projeto, professora Marilu Aguiar e a senadora Mailza Gomes, que destacou a importância do projeto.

“Quero parabenizar toda equipe envolvida e me colocar à disposição para ajudar. Daqui há de sair os melhores exemplos. É a traves da Educação que a gente vai alcançar os melhores resultados, neste caso, com um tema tão relevante que é a produção”, comentou a senadora.

Os alunos e os professores da escola assistiram à apresentação do projeto, que será acompanhado por técnicos da Secretaria de Agricultura Familiar. “Temos um pessoal muito qualificado e estamos trabalhando para contratar mais técnicos. Iremos ajudar no “Horta e Fazendinhas” e todos àqueles que vivem da agricultura”, disse Eracides Caetano.

Tião Bocalom tentou implementar esse projeto em âmbito estadual quando presidiu a Emater/Ac, porém só conseguiu avançar com essa ideia como prefeito da cidade.

“É fundamental avançar com esse método, despertar nas nossas crianças à vontade de conhecer a origem dos alimentos que elas consomem no dia-a-dia. É na educação que a gente prepara a nossa sociedade”, pontuou Bocalom.

Galeria de Imagens:

-------- Continua depois da Publicidade--------
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS