5 janeiro 2022 5:23 pm
30.3 C
Rio Branco
5 janeiro 2022 5:23 pm

Cantor faz show em quatro cidades para homenagear artistas acreanos que já morreram

G1ACRE
-------- Continua depois da Publicidade--------

Apresentações ocorrem em Cruzeiro do Sul, Feijó, Xapuri e Rio Branco. Artista diz que a ideia é manter viva a memória desses cantores acreanos.

Tony Ferreira faz tributo a artistas acreanos que já morreram.

Atualmente uma música lançada chega rapidamente em qualquer lugar do país com a ajuda da tecnologia e aplicativos de música, mas nem sempre foi assim. Os cantores de antigamente tinham que percorrer um longo caminho até que uma música fosse realmente reconhecida. Isso é um pouco do que destaca o projeto “Acreanos Inesquecíveis”, que está e sua segunda edição.

Cantor há 36 anos, Tony Ferreira conta que pensou nesse projeto para que a memória desses artistas pudesse ser preservada, enaltecendo a importância deles para o cenário musical do estado e do país, já que muitos fizeram apresentações em outros estados. As apresentações contam com o apoio da Fundação Elias Mansour (FEM) e foi financiado pela Lei Aldir Blanc.

A primeira apresentação ocorre em Cruzeiro do Sul, no Teatro dos Náuas, na terça-feira (11) e depois três cidades ainda recebem o projeto.

Confira a agenda:

• 12/01 – Feijó – Praça Três Poderes
• 18/01 Xapuri – Praça São Gabriel
• 29/01 – Rio Branco- Sesc-Centro

“A gente viu a necessidade de um projeto como esse, porque uma pessoa sem passado não tem história. Acompanhei a carreira de muitos desse cantores, em uma época que não tinha internet e uma canção para fazer sucesso no Acre demorava meses. Foram eles que se esforçaram muito e com esse esforço conseguiram levar o nome do Acre aos quatro cantos do país através da música”, conta.

O show conta com apresentação de slides mostrando fotos de cada cantor, com narração de suas trajetórias. Ao final, Tony e convidados interpretam algumas canções desses artistas. Em Rio Branco, alguns familiares devem fazer parte dessa apresentação.

“É uma forma de não deixarmos que esses nomes caiam no esquecimento”, finaliza.

Serão, ao todo, 14 músicos homenageados nesse tributo.

Música na pandemia

Há sete meses, foi Tony que também lançou um clipe com vários artistas cantando uma música sobre a pandemia. “Por nossas vidas” relata o difícil momento em que todo o mundo passa enfrentando a pandemia da Covid-19 e também relata a dificuldade dos músicos – que tiveram os shows suspensos com as medidas mais restritivas.

A canção composta pelo Tony Ferreira, de 53 anos, foi gravada com a ajuda de 14 artistas, entre cantores e produção, e lançada na internet para ser uma reflexão sobre o difícil momento em que vivemos. O videoclipe da música já foi visto milhares de vezes.

-------- Continua depois da Publicidade--------
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS