22 maio 2022 1:20
22 maio 2022 1:20

Boca do Acre perde uma de suas figuras ilustres, seu Varela, de estivador a empresário

Por Acrenews

Valeriano Gomes da Silva nasceu no Seringal Valparaiso, no dia 14 de março de 1930, seus pais eram retirantes nordestinos, que fugiram da seca do Nordeste.
Foi um grande batalhador, sendo lavrador, pescador, seringueiro, estivador, e empresário, vindo a se aposentar como Soldado da Borracha por ter participado da Segunda Guerra Mundial.
Seu legado foi de ser um bom homem, brincalhão e humilde. Não sabia ler, nem escrever, mas prezava pela seriedade em seus negócios, mostrando um grande caráter.
Trabalhou muito tempo como Chapa ou Estivador, subindo e descendo cargas para navios, balsas e embarcações que levavam e traziam produtos provenientes de Belém do Pará e da capital Manaus.
Ele era dos últimos estivadores com mais de 90 anos ainda com vida.
E assim foi a vida desde guerreiro, o nosso Valério como era chamado por seus familiares.
Alguns dos apelidos dado a ele, pois era muito brincalhão, todos gostavam dele. Vamos citar alguns: presa de metal, * no toco, rainha da sucata, rei do gado, Zé Bornel, Zé trovão, Zé da bonina, e outros, mais o que mais ele respondia quando mexiam com ele era seu corno.
Fica a saudade de um guerreiro dedicado a família e a sua cidade.

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 146.227 outros assinantes

ÚLTIMAS