19 novembro 2021 8:22 pm
23.3 C
Rio Branco
19 novembro 2021 8:22 pm

Mãe é suspeita de estuprar a filha de 9 anos

noticiasaominuto

A mulher tem 33 anos e esta grávida

-------- Continua depois da Publicidade--------

Um produtor agropecuário de 43 anos foi preso nesta segunda-feira (26) por ser conivente com abusos sexuais cometido pela esposa, à própria filha, uma menina de 9 anos. O caso ocorreu em Hidrolândia, Goiás, e tem chocado a cidade por não ser comum abusos cometidos por mães.

 De acordo com informações repassadas pela Polícia Civil ao ‘G1’, a mãe tem 33 anos e esta grávida. A mulher ainda não foi presa e a denúncia partiu depois que a menina relatou o caso a uma professora na aula de educação sexual.

Em depoimento à Polícia Civil, o casal negou o crime. O delegado responsável, Diogo Rincón, disse que a suspeita é de que os abusos vinham sendo cometidos há pelo menos 2 anos. As investigações duraram quatro meses.

“Em dez anos de polícia não tinha visto algo parecido, menina sendo abusada pela mãe com a omissão do pai. Ele tem a obrigação de impedir e não o fez. Por isso, também foi indiciado por estupro de vulnerável”, disse o delegado Diogo Rincón.

Diante da prisão do pai, a criança se mudou para a casa da avó paterna. “Os abusos aconteciam, a princípio, dentro da casa da criança. Conseguimos prender o pai, mas a mãe também é investigada”, completou o delegado.

Rincón disse que a menina confirmou, em depoimento, os abusos. “Eu a ouvi, ela afirmou categoricamente que era abusada. Ela já tinha falado para o pai, e ele disse ‘fica quieta e vai dormir, amanhã você esquece disso”, disse o delegado.

-------- Continua depois da Publicidade--------

Petrobras diz que não atenderá novamente demanda de distribuidoras em dezembro

Estatal justifica condição por um cenário de demanda atípica vista também em novembro

Haitiano que ficou paraplégico ao ser obrigado a se jogar de ponte no AC aparece dando passos em vídeo

Jacquenue Bosquet, de 36 anos, foi levado a um abrigo de Rio Branco, mas tem apresentado problemas psicológicos e agora se recusa a continuar tratamento.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS