9 dezembro 2021 9:13 am
25.3 C
Rio Branco
9 dezembro 2021 9:13 am

Insegurança na fronteira, vereador quer fechar as pontes com a Bolívia em sinal de protesto

Da Redação Ecos da Notícia
-------- Continua depois da Publicidade--------

A insegurança na fronteira do Acre com a Bolívia foi um dos temas mais comentados hoje (03) na sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Brasileia. Um dos vereadores, ao abordar o problema de roubo de veículos, sugeriu o fechamento das pontes entre as cidades acreanas com a Cobija, capital do departamento de Pando, na Bolívia.

A ideia é do vereador Elenilson Cruz (PT) e foi expressa no pequeno expediente. “Já fizemos pedidos, já montamos uma comissão para ir a Rio Branco pedir ajuda sobre a insegurança na nossa cidade. Nos últimos dias, foram roubadas quatro motos. Sem contar as que foram roubadas e que não registraram um Boletim de Ocorrência. Nós pedimos ao governador que interceda nessa questão!”, comentou.

Cruz disse que as pessoas estão com medo de circular na cidade com motocicletas. Sem uma resposta concreta dos executivos, ele em seguida pede ajuda dos parlamentares da Casa para fechar os acessos à Bolívia.

“Peço ajuda dos vereadores para ir fechar a ponte Wilson Pinheiro. Só assim o governo, a prefeitura, os órgãos competentes, vão verificar a nossa situação! Estamos regredindo, no quesito segurança. Antes tinha um box da Polícia Militar que fazia fiscalização noite e dia. A cidade cresceu e não tem mais. Poderiam, inclusive, usar o prédio abandonado da SEFAZ para ser ocupado pela PM, Exército ou qualquer autarquia”, sugeriu.

Finalizando, o parlamentar citou como exemplo de fiscalização o acesso de Assis Brasil ao Peru, onde ninguém passa pela fronteira sem a documentação do veículo legalizada e no nome do proprietário. “Não se tem roubos por lá, em Assis Brasil, por causa da forte fiscalização. Precisamos chegar ao extremo! Peço ajuda da população e dos vereadores para fechar a ponte como sinal de protesto. Na realidade, é preciso fechar inclusive a de Epitaciolândia”, concluiu.

Fonte: Acrenews

-------- Continua depois da Publicidade--------
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS