19 novembro 2021 9:00 pm
23.3 C
Rio Branco
19 novembro 2021 9:00 pm

Flamengo vence o Corinthians com gol nos acréscimos e vê o Maracanã pulsar na despedida antes de final

Duelo, válido pela 33ª rodada do Brasileiro, foi o último do Rubro-Negro diante de sua torcida antes da decisão da Libertadores; Bruno Henrique decidiu já nos minutos finais

Isto É
-------- Continua depois da Publicidade--------

A atmosfera do Maracanã cativou os apaixonados por futebol e foi palco de uma sonora festa para o duelo entre Flamengo e Corinthians, realizado nesta quarta-feira, pela 33ª rodada do Brasileiro. E cerca de 50 mil pessoas viram o Rubro-Negro chegar à eletrizante vitória com um gol aos 49 minutos do segundo tempo, depois de jogada de placa de Rodinei e gol de Bruno Henrique: 1×0.

O estádio passou a tremer ainda mais com o lance nos acréscimos, que levou o Flamengo aos 63 pontos, a oito do Atlético-MG, líder da competição. Já o Corinthians estaciona nos 50 pontos, na quinta colocação, a dois do G4.

A BOLA NÃO FOI A PROTAGONISTA NO 1ºT

O Flamengo iniciou a partida embalado pela presença maciça da torcida. Se atirou ao ataque, pressionou a saída de bola de um inseguro Corinthians e criou um perigo logo nos minutos iniciais (Gomes mandou para longe, dentro da área). Depois, os paulistas, que seguraram o ímpeto dos mandantes, passaram a ter mais a bola e abafaram a pressão rubro-negra, inclusive estando mais próximo de abrir o marcador – Róger Guedes e Jô chegaram pela esquerda, mas pecaram no arremate e não exigiram trabalho de Hugo Souza.

No geral, o primeiro tempo foi de poucas emoções, e a bola (isolada por Vitinho duas ou três vezes) nem foi a protagonista. Giuliano deixar o campo cedo, lesionado, e uma treta iniciada após dividida de Vitor Gabriel e João Victor foram os momentos mais chamativos da zerada etapa inicial.

Flamengo x Corinthians
Flamengo e Corinthians foram para o vestiário com o placar zerado (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)

O segundo tempo foi de amplo domínio do Flamengo, que já voltou com três alterações, todas seguindo o planejamento para a Libertadores: Filipe Luís, Bruno Henrique e Gustavo Henrique. Do outro lado, entrou Mosquito, porém só o Rubro-Negro teve, de fato, competência para ser efetivo.

O Flamengo foi no embalo da galera, que entrou em êxtase depois que Michael foi acionado, aos 14′. Cássio fez boas defesas e ainda contou com o travessão, em testada de Gomes. E o Corinthians, acuado, não estocou em contra-ataques e ficou à mercê de um erro, mesmo que não fizesse questão de provocá-lo. Deu dó de ver Renato Augusto e Róger Guedes reféns de tamanha limitação tática – o atacante ainda achou um arremate perigoso nos acréscimos.

…E FREGUESIA MANTIDA

De tanto pressionar, o Flamengo foi coroado, ainda que tardialmente. Bruno Henrique marcou de cabeça, mas o lance de placa foi construído por Rodinei, que deu uma caneta na lateral e cruzou na cabeça do camisa 27. O triunfo fez com que o clube carioca ampliasse a série invicta sobre o paulista, que agora é de nove partidas, com oito vitórias e um empate no período.

NAÇÃO SE DESPEDIU DO FLA

Cerca de 50 mil torcedores foram ao Maracanã para cantar o jogo inteiro e externar apoio ao Flamengo no último jogo no Rio antes da decisão da Libertadores, a ser realizada no dia 27, diante do Palmeiras. A festa dos flamenguistas foi uma atração à parte, sendo que os corintianos não ficaram atrás e, em bom número, enriqueceram o espetáculo nas arquibancadas.

PRÓXIMOS COMPROMISSOS

O Flamengo, agora, viaja para o Rio Grande do Sul, onde visitará o Internacional na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, no sábado. Já o Corinthians terá o clássico contra o Santos pela 34ª rodada, no domingo, em sua Arena.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 1X0 CORINTHIANS – 33ª RODADA DO BRASILEIRO
Data e horário: 
17/11/2021, às 21h30 (de Brasília)
Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Anderson Daronco (Fifa/RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (Fifa/RS) e Michael Stanislau (RS)
VAR: Rodrigo Dalonso Ferreira (VAR-Fifa/SC)
Gramado: péssimo
Público/renda: 47.032 pagantes / 48.981 presentes / Renda: R$ 2.033.427,50
Cartões amarelos: Vitor Gabriel (FLA) / Gabriel Pereira e João Victor (COR)
Cartões vermelhos: 

GOLS: Bruno Henrique, 49’/2ºT (1-0)

-------- Continua depois da Publicidade--------

ÚLTIMAS NOTÍCIAS