2 dezembro 2021 2:27 am
23.3 C
Rio Branco
2 dezembro 2021 2:27 am

Criança torcedora do Santos é hostilizada por pegar camisa de jogador do Palmeiras

Bruno do Nascimento ganhou a camisa do goleiro Jailson, mas foi hostilizado nas arquibancadas. Santos emitiu nota de repudio e convidou-o para acompanhar o próximo jogo no camarote

da Redação Ecos da Notícia
-------- Continua depois da Publicidade--------

Mesmo com a derrota do Santos para o Palmeiras, por 2 x 0, no último domingo (7/11), o jovem torcedor, Bruno do Nascimento, buscou motivos para se alegrar. Após o apito final, o santista pediu a camisa do goleiro rival, Jailson, que atendeu o garoto e o presenteou. Porém, a criança de apenas 9 anos foi hostilizada nas arquibancadas, por torcedores que não estavam satisfeitos com o gesto.

O caso repercutiu nas redes sociais e Santos emitiu uma nota, informando que não compactua com as atitudes agressivas e ofensivas dos torcedores que hostilizaram Bruno do Nascimento. A equipe da Vila Belmiro também convidou o pequeno santista para acompanhar de camarote, o jogo do Peixe contra o Bragantino, nesta quarta-feira (10/10), às 19h.

“O Clube não compactua com qualquer tipo de violência e se solidariza com a criança, que é um dos mais novos Meninos da Vila, conhecido pelo elenco, por sempre estar apoiando o time no portão do CT Rei Pelé”, diz trecho da nota do Santos.

Na inocência da infância, Bruno foi às redes sociais pedir desculpas e garantir que seu coração é santista. “Desculpa se alguém se ofendeu por que eu peguei a camisa do Jailson, é que eu gosto muito dele. E também gosto do Weverton, que é da seleção brasileira. Eu não sou palmeirense, eu sou santista. Eu sempre apoiei muito o Santos, nos momentos mais difíceis”, declarou o pequeno torcedor.

Bruno recebeu o carinho não só de santistas e adeptos de outros clubes. Na publicação, o atacante Diego Tardelli, o perfil oficial do Santos e o ídolo palmeirense, o ex-goleiro Marcos, deram forças ao garoto.

Confira o vídeo:

Mesmo com a derrota do Santos para o Palmeiras, por 2 x 0, no último domingo (7/11), o jovem torcedor, Bruno do Nascimento, buscou motivos para se alegrar. Após o apito final, o santista pediu a camisa do goleiro rival, Jailson, que atendeu o garoto e o presenteou. Porém, a criança de apenas 9 anos foi hostilizada nas arquibancadas, por torcedores que não estavam satisfeitos com o gesto.

O caso repercutiu nas redes sociais e Santos emitiu uma nota, informando que não compactua com as atitudes agressivas e ofensivas dos torcedores que hostilizaram Bruno do Nascimento. A equipe da Vila Belmiro também convidou o pequeno santista para acompanhar de camarote, o jogo do Peixe contra o Bragantino, nesta quarta-feira (10/10), às 19h.

“O Clube não compactua com qualquer tipo de violência e se solidariza com a criança, que é um dos mais novos Meninos da Vila, conhecido pelo elenco, por sempre estar apoiando o time no portão do CT Rei Pelé”, diz trecho da nota do Santos.

Na inocência da infância, Bruno foi às redes sociais pedir desculpas e garantir que seu coração é santista. “Desculpa se alguém se ofendeu por que eu peguei a camisa do Jailson, é que eu gosto muito dele. E também gosto do Weverton, que é da seleção brasileira. Eu não sou palmeirense, eu sou santista. Eu sempre apoiei muito o Santos, nos momentos mais difíceis”, declarou o pequeno torcedor.

Bruno recebeu o carinho não só de santistas e adeptos de outros clubes. Na publicação, o atacante Diego Tardelli, o perfil oficial do Santos e o ídolo palmeirense, o ex-goleiro Marcos, deram forças ao garoto.

Confira o vídeo:

 

Fonte: Correio Braziliense

 

-------- Continua depois da Publicidade--------

ÚLTIMAS NOTÍCIAS