8 outubro 2021 6:16 am
23.3 C
Rio Branco
8 outubro 2021 6:16 am

Vereador lê ‘fake news’ sobre papa cancelar bíblia durante sessão no AC e igreja reage: ‘vergonha’

https://g1.globo.com/ac (SF)

Durante fala em sessão desta quinta-feira (16), vereador N Lima falou que papa queria cancelar a Bíblia e ainda disse que seria a ‘chegada do anticristo’.

- Publicidade-

Uma discussão um tanto inusitada e atrapalhada foi registrada na sessão dessa quinta-feira (17) da Câmara Municipal de Rio Branco transmitida ao vivo no YouTube. É que o vereador N. Lima (PSL) leu uma ‘fake news’ sobre o Papa Francisco querer cancelar a Bíblia e ainda questionou se essa seria a chegada do anticristo.

Mesmo sendo alertado por alguns colegas de parlamento de que se tratava de uma notícia falsa, o vereador manteve sua “indignação” com o tema e seguiu com as críticas.

A notícia se espalhou e, assim que tomaram conhecimento, padres reagiram e criticaram a postura do vereador. Ao publicar uma foto no Facebook em que aparece abraçando o papa, o padre Mássimo Lombardi se disse “envergonhado” com a situação.

“Desculpe Francisco se um vereador do Acre deu uma mancada tão feia hoje. Nós não acreditamos em fake news e ficamos envergonhados por estarmos mal representados neste município. Pedimos sua benção pelo que nos preocupa mais, que é a pandemia”, disse.

Em nota, o vice-reitor da Catedral, padre Jairo Coelho afirmou estar triste, revoltado e decepcionado e fez duras críticas ao vereador. Ele ainda lembrou o parlamente de sua real função na Câmara de Vereadores e disse que o parlamento mirim não é o lugar para espalhar mentiras e atacar pessoas.

O padre também ressaltou que esse tipo de ato pode resultar em processo pelos crimes de injúria, calúnia e difamação. Além, do crime de intolerância religiosa.

“A sua atitude irresponsável, ao propagar fake news contra o Papa Francisco, revela que o senhor não se preocupa nem sequer em verificar a veracidade das informações que propaga, o que me dá o direito de pensar que o senhor também não se preocupa com a população que o elegeu. Caro vereador, acredito ser oportuno recomendar ao senhor que verifique melhor as informações antes de disseminá-las”, destacou.

Fala do vereador na sessão

 

Como de praxe, os vereadores estavam em suas falas durante a sessão, quando chegou a vez de N. Lima. Ele começou falando que estava trazendo uma notícia que o tinha deixado muito triste e ainda citou o momento em que o mundo vive, lembrando da pandemia do novo coronavírus. No vídeo, a fala de Lima pode ser acompanhada a partir do minuto 17.

“Vi aqui o Papa Francisco falando que vai arquivar, cancelar a Bíblia Sagrada, escrita há milhões de anos. E aí, fiquei pensando, é a hora do anticristo, é a hora que a própria bíblia fala que vai chegar o anticristo, o Satanás. Porque achei uma coisa do outro mundo, não tem nem lógica. Anos e anos que a população do mundo inteiro vem seguindo, quem se considera cristão, a Bíblia, a palavra de Deus, no velho e novo testamento e, de repente, chega o papa, que se acha Deus, e quer mudar uma coisa escrita por Deus. Estou aqui muito revoltado, muito decepcionado com esse tipo de ação do papa Francisco”, disse.

“As coisas do mundo estão caminhando para outro destino. Quando vemos tudo que está acontecendo no mundo interior, famílias se digladiando, homem se usando para engravidar na ciência e a gente vê essas coisas todas e fica pensando ‘será que não é mesmo o fim do mundo?’ ‘será que não é o anticristo chegando?’. Fica aqui minha revolta para essa intenção. Por enquanto vou respeitá-lo como homem de Deus. Fica aqui meu repúdio a essa medida do papa. Pela matéria que vi aqui, é uma medida do papa”, concluiu.

Após a fala de N. Lima, o vereador Rodrigo Forneck pediu a palavra e informou que se tratava de uma fake news. O vereador Mamed Dankar também alertou sobre a notícia falsa.

“Não dá para espalhar mentira relacionada ao papa para tentar manchar a imagem do papa. A gente tem que ter o mínimo de bom senso. Trazer para a Casa do povo uma notícia mentirosa, sem verificar a fonte e a veracidade beira a irresponsabilidade. Infelizmente, vossa excelência caiu no golpe das fake news”, criticou Forneck.

- Publicidade-
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS