27 outubro 2021 5:37 am
21.3 C
Rio Branco
27 outubro 2021 5:37 am

Preço da carne bovina cai, mas frango tem forte alta

Jornal Economico
- Publicidade-

Quilo do peito de frango resfriado subiu de R$ 12,44 para R$ 13,63, um aumento de 9,55% em 30 dias; nos cortes de boi, queda é de até 2,33%

Fica cada vez mais difícil ter carne no prato do brasileiro devido à alta dos preços. A confirmação de um caso do mal da vaca louca em um frigorífico de Belo Horizonte contribuiu para a pequena queda no preço da carne de boi. Por outro lado, os cortes de frango que têm sido substitutos à carne vermelha, ficaram mais caros.

O site de preços Mercado mineiro e aplicativo comOferta foram a 38 açougues e verificaram uma leve queda na carne de boi e porco e alta no frango. A pesquisa de preço foi realizada entre 30 de agosto e 2 de setembro.
“Já estava ocorrendo uma queda na carne bovina. A carne bovina já vinha caindo um pouquinho. Porém, é uma queda quase insignificante para o consumidor devido ao aumento quem vem acontecendo desde o início da pandemia”, afirma Feliciano Abreu, do Mercado Mineiro.
Entre a primeira semana de agosto e a primeira semana de setembro, o quilo do filé de peito subiu 8,32%, passando de R$ 17,15 para R$ 18,58. O quilo do peito resfriado subiu de R$ 12,44 para R$ 13,63, um aumento de 9,55%. Já a coxa e sobre coxa subiram de R$ 11,88 para R$ 12,56, um aumento de 5,76%.

O mal da vaca louca traz entraves para as exportações e também deixam o consumidor um pouco temeroso em relação à carne do churrasco. No entanto, pode contribuir para a queda nos preços e permitir a volta, mesmo que momentânea, da carne no prato do brasileiro.

“O consumidor gosta da carne. Ele gosta de consumir. Então, é uma ótima notícia. A demanda que estava caindo em função do preço pode cair ainda mais”, diz Feliciano.

 

- Publicidade-
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS