21 outubro 2021 8:26 am
27.3 C
Rio Branco
21 outubro 2021 8:26 am

PM que agrediu empresária continuou ameaçando a vítima na delegacia

O militar espancou a mulher durante uma discussão, na última quarta-feira (13/10). Além de roubar pertences da empresária, ele a ameaçou com uma arma

Correio Braziliense
- Publicidade-

O policial militar Osiel Alves da Silva, 41 anos, que espancou uma empresária, 43 anos, na tarde da última quarta-feira (13/10), no Riacho Fundo, continuou ameaçando a mulher na delegacia após o ocorrido. Ao Correio, a advogada da vítima, Anna Carolina Barros Regatieri, disse que a empresária está em estado de choque.

De acordo com a advogada da empresária, após as agressões, o sargento da Polícia Militar (PMDF) trancou a mulher no escritório e fugiu com os pertences dela. “As funcionárias da loja, ao notarem que ele estava saindo com a bolsa dela, acharam estranho e subiram para ver o que tinha acontecido e encontraram ela no chão toda machucada”, contou.

Após ser acionada, a advogada compareceu ao local para auxiliar a vítima e chamar a polícia. Quando chegaram na delegacia, Osiel já havia se apresentado e deferiu novas ameaças contra a vítima. “Ele estava armado na delegacia e continuou coagindo a minha cliente. Após ser repreendido por um agente, ele disse que tinha formas piores de resolver as coisas.”

Segundo a advogada, a mulher ainda está abalada e com muitos machucados pelo corpo.

Correio tentou contato com o policial militar, mas não obteve retorno.

As agressões

As agressões foram registradas pelas câmeras do circuito interno de segurança instaladas no escritório. No vídeo, é possível ver a empresária expulsando o homem enquanto ele pegava objetos do escritório. A mulher o puxa pela blusa e o empurra para fora da sala, quando a briga começa. Ele solta a mão dela da camiseta e a derruba no chão. Em seguida, a levanta pelo pescoço e tenta imobilizá-la, colocando os braços dela para trás e o joelho nas costas da vítima. Ele só para de agredir a mulher quando ela pega uma faca. Em seguida, ele saca a arma, pega alguns objetos e vai embora.

Por volta das 16h, poucos minutos depois do ocorrido, o policial se apresentou na 21ª Delegacia de Polícia (DP), de Taguatinga Sul, como  dinheiro e cheques que ele pegou na sala da empresária. O caso foi para a 29ªDP, no Riacho Fundo 1, que apura o ocorrido.

Afastado

Após a denúncia, a PMDF afastou o oficial das atividades militares. “A Polícia Militar do Distrito Federal abrirá o devido processo para apurar a conduta do policial e, até que os fatos sejam elucidados, medidas cautelares serão adotadas e o policial será afastado das atividades de policiamento”, disse a corporação, em nota.

- Publicidade-
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS