13 outubro 2021 5:45 pm
34.3 C
Rio Branco
13 outubro 2021 5:45 pm

Neném Almeida cobra Gladson sobre promessa de titulação dos militares

Souza Salomão
- Publicidade-

Nesta quarta-feira (13), o deputado estadual Neném Almeida (Podemos) fez uso do seu tempo na tribuna da Assembleia Legislativa para cobrar mais uma vez o governo pela promessa em corrigir a base de cálculo da titulação dos policiais e bombeiros militares do estado.

De acordo com o deputado, durante um evento de formatura realizado no dia 12 de dezembro de 2019 o governador prometeu pagar a titulação dos policiais e bombeiros militares a partir do dia 01 de maio do ano seguinte. “O prazo para a resolução desse compromisso foi de 4 meses, prazo esse dado pelo próprio governador. Mas, 22 meses já se passaram, é praticamente 2 anos, de total inércia da gestão diante de mais uma promessa feita pelo gestor estadual e que teve o calado como resposta” destacou o parlamentar.

Ainda de acordo com o Almeida, o vencimento básico da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, também chamado de “soldo”, é a base de cálculo onde se define o valor da gratificação de titulação das duas categorias. Com a promulgação da Lei Complementar nº 349/2018 houve a reformulação do soldo, mas não foi atualizado o valor da titulação que ainda permanece a mais de 3 anos. “Tudo o que esses servidores da segurança pedem é o que é justo, pedem apenas para serem tratados com isonomia. É importante manter vivo na lembrança que a população acreana paga ainda hoje um preço muito alto por causa da pandemia, porém, ao mesmo tempo, foi o momento em que o governo do estado mais arrecadou. Dinheiro tem! O que falta a gestão!”, pontuou o deputado.

Almeida disse ainda que nas próximas semanas voltará a cobrar por outras promessas feitas pelo então candidato e hoje governador e que ainda não cumpridas: “O governador continua a nadar em promessas não cumpridas, mas quem se afoga é o povo. No ano que temos eleição, vamos acompanhar de perto quais serão as novas promessas da próxima campanha”, finalizou.

- Publicidade-
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS