21 outubro 2021 10:56 pm
27.3 C
Rio Branco
21 outubro 2021 10:56 pm

Mandetta defende aliança com Sérgio Moro durante convenção do DEM e PSL

Congresso em Foco
- Publicidade-

Na oficialização do novo partido União Brasil, resultado da fusão do DEM com o PSL, o ex-ministro da Saúde Luís Henrique Mandetta reforçou que trabalha para uma possível aliança com Sérgio Moro, ex-ministro da Justiça, para as eleições de 2022. “O Moro é uma figura muito importante para as eleições do próximo ano e para o Brasil. Estamos conversando, mas primeiro ele precisa se filiar a um partido para sentar à mesa conosco”, disse Mandetta ao Congresso em Foco.

O ex-ministro também comentou sobre a expansão que o novo partido terá. Para ele, quanto mais nomes disponíveis para fugir da polarização Lula x Bolsonaro, melhor. “Nós teremos muitos nomes disponíveis para o próximo ano. Já temos o meu, o de Rodrigo Pacheco (DEM-MG), o PSL cota o Datena. Será um leque interessante de terceira via. Quanto mais possibilidades, melhor”, afirmou. A convenção das duas cúpulas partidárias irá oficializar a União Brasil. Em Brasília, o evento reúne diversos parlamentares. Entre eles, o ministro do Trabalho, Onyx Lorenzoni; o governador de Goiás, Ronaldo Caiado; senador Davi Alcolumbre (AP), o deputado Kim Kataguiri (SP), além dos presidentes dos dois partidos que se unem, ACM Neto, presidente do DEM, e Luciano Bivar, presidente do PSL.

- Publicidade-
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS