2 dezembro 2021 2:04 am
23.3 C
Rio Branco
2 dezembro 2021 2:04 am

Homem que matou amigo por dívida é condenado a 15 anos de prisão

Decisão foi dada pelo Júri do Fórum Lafayette nesta terça-feira (26/10)

da Redação Ecos da Notícia
-------- Continua depois da Publicidade--------

Na noite dessa terça-feira (26/10), Bruno Leonardo Silva, acusado de assassinar com um tiro o amigo Vítor Hugo Santos Savini, de 34 anos, por conta de uma dívida de R$ 2 mil, foi condenado a 15 anos de prisão em regime fechado. Na setença, foi negada a possibilidade de recorrer em liberdade.

O crime aconteceu que no Bairro Jonas Veiga, Região Leste da Capital, em 2019. Segundo o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), foi constatado que a motivação do crime teria sido um desacerto comercial, após a venda de um veículo.

Inicialmente, o julgamento estava marcado para julho, mas teve a sua sessão adiada depois que o juiz Daniel Leite Chaves constatou que uma testemunha havia tido acesso ao depoimento da outra.

O CRIME

Na madrugada de 7 de outubro de 2019, no Bairro Jonas Veiga, Vitor foi morto com um tiro na cabeça pelo seu amigo Bruno. Segundo testemunhas, os dois, que até viajavam juntos, próximo a data do crime estavam se desentendendo por conta de uma dívida de R$2 mil, referentes à venda de um veículo.

Segundo o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), câmeras de segurança avistaram o acusado e uma outra pessoa descendo do carro e entrando na casa de Vitor na madrugada do crime. Ainda segundo o TJMG, a esposa relata que o réu foi a casa deles após uma discussão por telefone e após isso cometeu o crime.

“Ela estava em outro cômodo da casa quando ouviu o barulho, correu para ver o que tinha acontecido e encontrou o marido caído no chão”, informou o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). ( Com informações de Cristiane Silva )

Fonte: Correio Braziliense

-------- Continua depois da Publicidade--------

ÚLTIMAS NOTÍCIAS