8 dezembro 2021 2:42 am
24.3 C
Rio Branco
8 dezembro 2021 2:42 am

Filho mata pai após discussão

Ao chegarem ao endereço, militares encontraram o suspeito e realizaram a abordagem. Inicialmente, o filho negou a participação no crime, mas acabou por confessar o assassinato

da Redação Ecos da Notícia
-------- Continua depois da Publicidade--------

Um jovem, 21 anos, assassinou o próprio pai no começo da manhã desta quarta-feira (27/10), em Águas Lindas de Goiás (GO) — distante cerca de 48km de Brasília. O homicídio aconteceu depois do autor, que é usuário de drogas, iniciar uma discussão com o genitor. O homem foi preso em flagrante pela Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO).

Por volta das 5h30, o filho, que mora com o pai, 55 anos, e a avó, 97, teria ficado nervoso e partido para cima do pai. Os dois entraram em luta corporal e o homem acabou matando o genitor. Em relato à polícia, a idosa contou que presenciou o crime, mas não conseguiu tomar nenhuma atitude. Vizinhos ouviram a discussão e acionaram a PM.

Ao chegarem ao endereço, os militares encontraram o suspeito do lado de fora da casa e realizaram a abordagem. Inicialmente, o filho negou a participação no crime, mas ao ser novamente confrontado, confessou. A vítima sofreu um grande corte na cabeça, mas a polícia ainda colhe elementos para saber se o pai morreu em decorrência de pauladas ou esfaqueamento.

Correio esteve no local e conversou com vizinhos que conhecem a família. Segundo uma moradora, que preferiu não se identificar, o suspeito é usuário de drogas e alcoólatra e tinha comportamentos agressivos. Ele foi preso em flagrante e conduzido à delegacia da área, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Outro caso

No DF, uma idosa, 84 anos, também morreu ao ser agredida pelo filho, Luciano Bispo Farias, 47. O crime aconteceu em 8 de outubro e a vítima morreu dois dias depois, após ficar em coma no hospital. Na segunda-feira (25/10), policiais civis da 26ª Delegacia de Polícia (Samambaia Norte) cumpriram o mandado de prisão contra o autor.

Correio teve acesso exclusivo ao depoimento prestado pela idosa em 2018, ano em que registrou boletim de ocorrência por agressão contra o filho. Em relato, ela contou que era obrigada a dar dinheiro para o homem pagar as contas dele, comprar drogas e bebida alcoólica.

A idosa morreu após o filho chegar nervoso em casa e lançá-la com força ao chão. Ela não resistiu aos ferimentos.

Fonte: Correio Braziliense

-------- Continua depois da Publicidade--------
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS