28 outubro 2021 4:24 am
25.3 C
Rio Branco
28 outubro 2021 4:24 am

Róger Guedes decide, e Corinthians vence o Palmeiras no clássico

https://esportes .r7.com/( SF)

Camisa 123 marcou os dois gols da vitória por 2 a 1 do Timão, pelo Campeonato Brasileiro. Gabriel Menino fez o do Palmeiras

- Publicidade-

Com grande atuação de Róger Guedes, o Corinthians venceu o Palmeiras no clássico deste sábado (25), na Neo Química Arena, em jogo válido pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. O atacante do Timão fez os dois gols da vitória por 2 a 1, o segundo digno de placa, e decidiu o Derby. Gabriel Menino marcou pelo Alviverde. Essa é a primeira vitória do Corinthians sobre o maior rival desde junho de 2020.

Com o resultado, o Timão empata com o RB Bragantino, o quinto colocado no Brasileirão, com 33 pontos cada um. Já o Palmeiras se afasta ainda mais do líder Atlético-MG, que tem 7 pontos de vantagem na ponta da tabela e um jogo a menos que o Alviverde.

As duas equipes fizeram um ótimo clássico na Neo Química Arena. O Palmeiras, que contra o Atlético-MG se fechou defensivamente e anulou as ações do Galo, tentou posicionar suas linhas de marcação mais adiantadas, mas não foi feliz na estratégia escolhida.

O Timão foi amplamente superior na etapa inicial, criando as melhores chances da partida e chegando ao gol em duas oportunidades; a última, porém, foi anulada pela arbitragem. Willian e Gabriel Pereira foram os melhores jogadores do Alvinegro, especialmente o camisa 38, que se destacou mesmo com o “quadrado mágico” em campo. O gol, no entanto, saiu pelos pés de Róger Guedes, em ótima jogada de três reforços do Corinthians.

Renato Augusto brigou com Gustavo Gómez pela bola e ganhou na dividida, em seguida o meia do Timão driblou Luan e cruzou para dentro da área. Giuliano, muito inteligente, escorou de primeira para Róger Guedes, que finalizou com a perna esquerda, sem chance de defesa para Weverton.

Com o gol desfavorável, o Palmeiras se viu num cenário mais desafiador, já que prefere explorar as costas da defesa adversária com a velocidade dos atacantes, mas teria que tentar envolver o Corinthians, que se postava mais defensivamente após abrir o placar. O Alviverde teve boas situações, em especial nas bolas paradas, mas não havia criado nenhuma chance de gol.

- Publicidade-
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS