Rio Branco,

aaa

Revalida 2021: primeira etapa acontece no próximo domingo (5)

R7
- Publicidade-

O Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) realizará no próximo domingo (5) a aplicação da primeira etapa do Revalida (Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituição de Educação Superior Estrangeira) 2021.

O exame será aplicado em oito capitais brasileiras: Brasília (DF), Campo Grande (MS), Curitiba (PR), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Rio Branco (AC), Salvador (BA) e São Paulo (SP). Os participantes farão duas provas: uma objetiva e outra discursiva, nos turnos da manhã e da tarde, respectivamente.

Para a prova objetiva, o participante terá cinco horas para responder as cem questões de múltipla escolha, no horário das 8h às 13h. Já a prova discursiva será composta por cinco questões, que devem ser resolvidas em até quatro horas, das 15h30 às 19h30. Os participantes com direito a tempo adicional terão uma hora a mais, em cada turno, para finalizar as provas. A aplicação do exame seguirá o horário de Brasília.

Por meio do Cartão de Confirmação de Inscrição disponível no Sistema Revalida, os participantes podem conferir as informações sobre os locais de prova e os horários de abertura e fechamento dos portões. O documento também informa se o participante conta com atendimento especializado ou se deve ser tratado pelo nome social. Embora não seja obrigatório, o Inep recomenda levar o cartão no dia da aplicação do exame.

Revalida

O Revalida busca subsidiar a revalidação no Brasil do diploma de graduação em medicina expedido no exterior. É composto por duas etapas (teórica e prática) que abordam, de forma interdisciplinar, as cinco grandes áreas da medicina: clínica médica, cirurgia, ginecologia e obstetrícia, pediatria e medicina da família e comunidade (saúde coletiva).

As referências do Revalida são os atendimentos no contexto de atenção primária, ambulatorial, hospitalar, de urgência, de emergência e comunitária, com base na Diretriz Curricular Nacional do Curso de Medicina, nas normativas associadas e na legislação profissional. O objetivo é avaliar as habilidades, as competências e os conhecimentos necessários para o exercício profissional adequado aos princípios e necessidades do SUS (Sistema Único de Saúde).

Apesar de ser aplicado pelo Inep, o ato de apostilamento da revalidação do diploma é uma atribuição das universidades públicas que aderem ao instrumento unificado de avaliação representado pelo Revalida.

- Publicidade-

ÚLTIMAS NOTÍCIAS