8 outubro 2021 1:27 pm
34.3 C
Rio Branco
8 outubro 2021 1:27 pm

Cliente alega ter mastigado dedo ao morder hambúrguer de lanchonete

A boliviana Estefany Benitez acredita ter sido vítima de canibalismo acidental ao tentar consumir lanche em Santa Cruz de la Sierra

Noticiasr7.com
- Publicidade-

A cliente de uma lanchonete em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, alega ter encontrado um dedo humano no meio do hambúrguer que havia acabado de comprar — e morder! Ao menos, essa é a versão que Estefany Benitez relatou em uma publicação recente no Facebook.

De acordo com a postagem, o ato de canibalismo acidental ocorreu na noite do último domingo (12), em um filial da rede de fast-food Hot Burguer.

“Boa noite! Estou divulgando a filial da Hot Burguer 3”, escreveu Estefany, “motivo de que no hambúrguer magnífico, na hora de comer e ao mastigar apanhei um DEDO”.

A cliente afirma que estava acompanhada de uma amigo no momento da sórdida descoberta. Ela também acusa os funcionários da lanchonete de tentar acobertar a situação. ATENÇÃO: IMAGEM FORTE A SEGUIR!

Suposto dedo encontrado em hambúrguer vendido por lanchonete na Bolívia
REPRODUÇÃO/FACEBOOK/ESTEFANY BENITEZ

“Tentaram fechar a filial, desligaram tudo e voltaram a atender como se nada tivesse acontecido”, denunciou a jovem na mesma postagem.

“O cúmulo é que nos diziam que nos devolveria o dinheiro, como se nada tivesse acontecido”, finaliza Estefany, com um pedido de que o conteúdo fosse compartilhado pelos internautas.

Segundo jornal New York Post, após a postagem viralizar nas redes, um porta-voz da filial veio a público para classificar a ocorrência como um “incidente infeliz”. Segundo o representante, um funcionário havia perdido parte do dedo enquanto trabalhava — história confirmada pela polícia local.

Como consequência, as autoridades bolivianas multaram e fecharam temporariamente a lanchonete. Estefany ainda não se manifestou se entrará com uma ação judicial contra o restaurante.

 

 

- Publicidade-
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS