Rio Branco,

aaa

Bolsonaro sanciona lei que amplia o BPC aos idosos e deficientes

jornalcontabil.com.br

Foi sancionado pelo presidente, Jair Bolsonaro nesta terça-feira (22) uma lei que amplia o alcance do BPC/Loas (Benefício de Prestação Continuada), que paga um salário mínimo mensal aos idosos e pessoas deficientes de baixa renda.

- Publicidade-

A nova medida estará em vigor a partir de 2022, conforme mostrou o Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado). Vale lembrar que no mês de maio, veio a ser aprovada pelo Congresso Nacional em acerto com a equipe econômica.

A nova medida deve ter um impacto de R$ 2 bilhões para 2022, o que incluirá cerca de 180 mil beneficiários, conforme fontes ouvidas pela reportagem.

A nova Lei sancionada, nº 14.176 também cria o auxílio-inclusão, que prevê o pagamento de um auxílio no valor de meio salário mínimo ao beneficiário cm deficiência grave ou moderada que conseguir se inserir no mercado de trabalho.

Conforme declaração do Ministério da Cidadania, a lei “deve permitir, quando regulamentada, a entrada de cerca de 200 mil cidadãos no programa, ao mesmo tempo, em que vai aprimorar os mecanismos de revisão de renda”.
- Publicidade-

ÚLTIMAS NOTÍCIAS