Rio Branco,

aaa

Assaltantes invadem loja e dão prejuízo de 35 mil reais: demora para a chegada da PM por conta do 190 agora ser na capital facilitou fuga dos criminosos

Juruá Online
- Publicidade-

No sábado,24, a tarde a loja W2 Magazine localizada no Aeroporto Velho em Cruzeiro do Sul, foi outra vez assaltada em menos de 6 meses .

Dessa vez , diferente da outra , os assaltantes entraram no estabelecimento, renderam uma cliente e duas vendedoras e levaram cerca de 40 relógios , joias e celulares, dando um prejuízo que passa da casa dos 35 mil reais .

O que ao contrário da outra vez, os assaltantes tiveram uma ação extremamente violenta com uma das vendedoras sendo agarrada pelo pescoço por um dos bandidos armado comum revólver, como pode ser visto nas imagens de câmeras.

O dono da loja assaltada, lamentou que as ligações agora tenham que ser direcionadas primeiro para Rio Branco, através do 190, o que tem gerado demora nos flagrantes por parte da polícia.

“Que nos sabemos que cada dia a situação está mais violenta , isso nós temos consciência. Mas o que gerou o maior desconforto e insatisfação foi a demora na chegada dos PMs. E um dia motivos da demora , foi a ligação do 190, que hoje e destinada à Rio Branco e depois direcionada de volta. Para termos a ideia do absurdo , os policiais na hora da ligação estavam posicionados na escola Juscelino Kubitschek, a menos de 2 quilômetros da loja. Se houvesse rapidez nessa comunicação, os assaltantes poderiam ser pegos em flagrante , pois ficaram aproximadamente 6 a 8 minutos na loja”, lamentou.

Após a mudança desse sistema de atendimento para a capital, já se ouviu muita reclamação de diversos segmentos da população não só de Cruzeiro do Sul, mas do Juruá sobre
a necessidade de se comunicar mais rapidamente com esse canal.

“Essa e uma insatisfação geral não só por parte do comércio , mas também da população e precisa de uma atenção maior. Os PMs chegaram a comentar que após a mudança, nunca mais conseguiram fazer flagrante, pela demora na comunicação . É um fato que precisa de atenção das nossas autoridades responsáveis”, ressaltou o proprietário da loja assaltada.

Os ladrões fugiram para rumo ignorado.

Desde o mês de fevereiro desse ano, as ligações de emergência dos números 190 e 193 dos moradores do interior do Acre agora são atendidas por uma equipe em Rio Branco. A Secretaria de Justiça e Segurança Pública do Acre (Sejusp) informou que a mudança é para unificar e tornar o serviço mais dinâmico e eficaz.

A principal mudança é que a ocorrência vai ser gerada em Rio Branco. Por um sistema, essa ocorrência é direcionada para o centro de operações das regionais do Acre. Em cada centro há um servidor que aciona as viaturas e encaminha às equipes.
“Mudamos para unificar, centralizar em Rio Branco e padronizar o atendimento. Antigamente, o morador ligava no 193 e a ligação caía no quartel, na guarda. Quem atendia era um PM e mandava a viatura. Agora, conseguimos mandar tudo para cá. Antes, a população não conseguia registrar algumas ocorrências, porque tinha um só policial para atender. Aqui em Rio Branco temos vários pontos de atendimento, cerca de 28 pontos por dia. Esses pontos são linhas telefônicas disponíveis”, explicou o coordenador de Comando e Controle de Operações da Polícia Militar, capitão Joel Barbosa.

Apesar da alegação da Secretaria de Segurança de que o serviço ficaria mais ágil, não é o que se vê na prática.

- Publicidade-

ÚLTIMAS NOTÍCIAS