Rio Branco,

Traficante de skunk suspeito de pertencer à facção criminosa é preso em ação conjunta das polícias federal e militar

As investigações tiveram início em 25 de janeiro desse ano, oportunidade em que foram apreendidos cerca de 5kg de entorpecentes pertencentes ao indivíduo preso na ação de hoje.

Por DECOM/ POLÍCIA FEDERAL

Uma ação conjunta entre policiais federais e policiais militares da Força Integrada de Combate ao Crime Organizado (FICCO) do estado do Acre prendeu na manhã desta quinta-feira, 10, em cumprimento à mandado de prisão preventiva expedido pela 3ª Vara Criminal de Rio Branco, um dos principais traficantes com atuação no Bairro Cadeia Velha.
As investigações tiveram início em 25 de janeiro desse ano, oportunidade em que foram apreendidos cerca de 5kg de entorpecentes pertencentes ao indivíduo preso na ação de hoje.
A ação faz parte da estratégia em combater esse tipo de crime através do trabalho conjunto entre as forças de segurança pública e justiça criminal (Polícias Federal, Civil, Militar e Ministério Público).
A FICCO reforça que a atual pandemia não afetou as investigações e ações nos crimes de sua atribuição, mas que esta diligência policial foi cumprida em total observância às orientações da ANVISA, sobretudo o uso de equipamentos de proteção individual para resguardar a saúde dos policiais e dos investigados.


Publicidade

Publicidade




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidade