Rio Branco,

Quase 100 % das escolas estaduais de Cruzeiro do Sul aderem à greve realizada pelo Sinteac e não iniciam ano letivo

Por Juruá Online

A paralização dos servidores da rede estadual de educação, iniciou nesta segunda-feira,10 em todo o Acre e à partir desta quinta-feira, será deflagrada uma greve.

Publicidade

É que os trabalhadores anunciaram a paralização por conta da reposição do salário, como explica a coordenadora do núcleo de educação de Cruzeiro do Sul, Ruth Bernardino. “Infelizmente nós enquanto núcleo, estávamos com tudo planejado com nossos professores. Todos já haviam realizado os planejamentos, as formações. E à partir de hoje é uma espécie de alerta que deram por 72 horas, as escolas estão paradas enquanto acontece alguma negociação. E aí obviamente vamos ter que replanejar todo o calendário, todas as atividades para o início do ano letivo.”
Segundo Ruth Bernadinho, muitos alunos serão afetados, tanto na zona urbana quanto na zona rural. “Em Cruzeiro do Sul temos mais de 18 mil alunos então com essa decisão todos estão parados.


Publicidade




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidade