Rio Branco,

Visitas à reeducandos permanecem suspensas por conta da pandemia: manifestação foi realizada nesta terça por familiares

Por Juruá Online

Diversos questionamentos tem sido feitos à direção do Presídio de Cruzeiro do Sul, por falta de informações de familiares de detentos e até mesmo devido a suspensão de visitas semanais.
Na manhã desta terça-feira, 27, um grupo de familiares de presos, na sua maioria, mulheres, interditou à rua de acesso à penitenciária Manoel Neri da Silva, para fazer reivindicações, entre elas, direito à visitas, permissão para entrega de produtos de higiene e alimentos e ainda um telefone de acesso à direção da unidade para obtenção de informações dos detentos.

“Queremos saber notícias de nossos familiares, pois há mais de 3 meses estamos sem poder fazer visitas. E a unidade sequer tem um celular para informar os familiares sobre essa questão. Antes tinha um celular, agora eles falam que o aparelho não presta mais”, questionou um familiar.

Em nota, a direção do Presídio de Cruzeiro do Sul, informou que os contatos telefônicos via celular com a direção da unidade estão suspensos, por conta de bloqueadores de celulares, assim como a visita por conta da pandemia, entre outras questões.

“A Unidade Penitenciária Manoel Neri de Cruzeiro do Sul, vem esclarecer a sociedade sobre alguns questionamentos levantados por familiares dos reeducandos que estão reclusos neste presídio.
▪ Informamos que devido haverem bloqueadores de celulares, não é possível contato por WhatsApp, porém a penitenciária dispõe de um telefone fixo (068 3322 7916) que funciona durante o horário de expediente.
▪ Informações a respeito de reeducandos, podem fazer contato neste número.
Informamos que situações emergenciais e relacionadas a saúde do reeducando, é feito contato com os familiares.
▪ Informamos também que recebemos materiais higiênicos, merendas, roupas, colchões, ventiladores e televisões conforme cronograma elaborado e divulgado para não haver aglomerações.
▪ Informamos que as VISITAS FAMILIARES estão suspensas em TODO O ESTADO DO ACRE. Não somente em CZS devido a pandemia. Conforme Portaria IAPEN N° 189, de 16 de abril de 2021, onde renova a suspensão das visitas por 30 dias em observâncias aos Decretos Governamentais.
▪ Informamos que o contato com os reeducandos neste momento de pandemia está sendo realizado através de escrita (bilhetes ou cartas) onde o conteúdo não comprometa a segurança do presídio, contendo o nome completo do reeducando para poder ser identificado e entregue a carta.
▪ Informamos também que medidas sanitárias e protocolos de combate ao Covid-19 foram implantados na penitenciária, para que não haja propagação do vírus. Os casos suspeitos são cuidados pela equipe de saúde da penitenciária.
No mais nos colocamos a disposição para esclarecimentos”.
*Att. Direção do Presídio Manoel Neri da Silva.

Até o momento já ocorrerem 2 óbitos de detentos por Covid-19 no presídio de Cruzeiro do Sul, sendo um homem e uma mulher. Atualmente não há casos da doença na unidade.




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img