Rio Branco,

Sputnik V: por que a vacina russa continua sem aprovação no Brasil?

Por INFOMONEY
Dois pedidos de uso emergencial foram feitos para a Anvisa. Agência apontou falta de diversos dados que permitiriam dar parecer sobre imunizante

A Sputnik V é uma das vacinas contra a Covid-19, desenvolvida pelo laboratório russo Instituto Gamaleya e pelo Fundo de Investimentos Diretos da Rússia. O Ministério da Saúde assinou um contrato para aquisição de 10 milhões de doses. Governadores também estão de olho na vacina, com pedidos que somam 66 milhões de doses.

Porém, a Sputnik V não deve ser aplicada em breve na campanha de imunização brasileira contra a Covid-19.

Na última segunda-feira (26), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) negou pedidos de importação da vacina assinados por dez estados. A vacina também não conta com autorização de uso emergencial, muito menos com registro definitivo.




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img