Rio Branco,

Líder de facção no interior do Acre é condenada a mais de 23 anos de prisão

Por MPAC
O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), obteve na Justiça a condenação de Taiane dos Santos Pereira, pelos crimes de integrar organização criminosa e tráfico de drogas.

Conforme a denúncia do MPAC, Taiane exercia função de liderança na organização criminosa a qual pertencia, no município de Manoel Urbano, e cooptava novos integrantes, inclusive menores de idade, além de participar de batismos de novos integrantes.

Ainda conforme a denúncia, a ré mantinha em depósito e guardava em sua residência, com o intuito de mercancia, uma porção de entorpecentes, apreendidos durante cumprimento de mandado de busca e apreensão. Na ocasião, foram encontradas conversas no celular da ré comprovando o envolvimento com o tráfico de drogas.

A sentença, proferida pelo Juízo da Vara de Delitos de Organizações Criminosas da Comarca de Rio Branco, reconheceu a prática dos crimes atribuídos à ré pelo MPAC e a condenou a um total de 23 anos, 02 meses e 13 dias de reclusão em regime fechado.




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img