Rio Branco,

Duas visitantes são presas com sacolas recheadas de celulares no presídio de Sena Madureira

Por Via Radar 104

Cumprindo a função institucional de evitar a entrada de materiais proibidos nos estabelecimentos prisionais, policiais penais da Unidade Prisional Evaristo de Moraes (UPEM), em Sena Madureira, apreenderam vários componentes de celulares, nesta quinta-feira 29. Na ocasião, duas visitantes receberam voz de prisão e encaminhamento até a Delegacia para serem autuadas.

Publicidade

De acordo com o efetivo policial, em dois flagrantes durante a entrega de reveria, vários componentes de celulares foram localizados junto com o material que seria entregue aos presos no interior da unidade, sendo três baterias, três placas de celulares e, ainda, um estilingue para que os objetos fossem arremessados de um bloco para outro.

Os matérias estavam caprichosamente enrolados em papel específico para tentar driblar o aparelho de Raio-X, entretanto, a fiscalização observou os objetos no aparelho de escanner do presídio. Ao abrir o pacote, localizou os componentes.

Em outra sacola de mercadoria, os policiais encontraram papelim e um estilingue (baladeira), totalizando dois flagrantes somente na revista de alimentos desta quinta-feira. Duas mulheres que não tiveram o nome divulgado por força da Lei de Abuso de Autoridade, aprovada pelo Congresso, foram detidas e levados até a delegacia de polícia para responder pelo crime. A fiscalização deverá ser intensificada, evitando assim a entrada de ilícitos.

Por força da pandemia não está havendo visita na unidade, apenas o envio de alimentos pelos familiares que são entregues na portaria.


Publicidade




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Publicidade