Rio Branco,

Ela ficou paralisada”, diz irmã de vítima da “doença da urina preta”

Por METRÓPOLES

Flávia Andrade e a irmã Pryscila foram contaminadas após comerem um peixe. A veterinária não resistiu e morreu

A irmã de Pryscila Andrade, veterinária que morreu esta semana devido à Síndrome de Haff, conhecida popularmente como “doença da urina preta”, compartilhou vídeo nas redes sociais. Flávia Andrade, de 36 anos, quis esclarecer o que houve de fato após as duas terem consumido peixe infectado.

No vídeo, a empresária relembrou que comprou o peixe, da espécie arabaiana, mais de uma vez, em uma barraca de pescados no bairro do Pina, em Recife (PE), local em que costumava fazer compras com frequência.




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img