Rio Branco,

Pousada do Miro, na Serra do Divisor guarda encantos e mistérios da Floresta Amazônica

Serra do Divisor e Pousada do Miro, lugar de encantos no meio da Floresta amazônica.

Por Lenilda Cavalcante, da Redação Ecos da Notícia. Fotos: Arquivo pessoal e cedidas

O Parque Nacional da Serra do Divisor está localizado no extremo Oeste da Amazônia, em terras do estado do AcreAcre e fronteira com Peru, o Parque Nacional da Serra do Divisor, possui uma área 8.463 km² com território distribuído pelos municípios de Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter e Rodrigues Alves, todos no Vale do Juruá. A administração do local é de responsabilidade do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade – ICMBiO.

Cachoeira Amor, Serra do Divisor – Acre/Brasil

Na região existe somente uma Pousada Ecológica, a do Miro, um local cheio de encantos, que começam na opção de material de construção dos espaços, que abrigam as acomodações dos hospedes, cozinhas compartilhadas e banheiros.
Todas as construções seguem o modelo e material da região, madeira extraída da própria região com o devido licenciamento ambiental e arquitetura que mistura os costumes indígenas e de seringueiros.


A Pousada oferece as três principais refeições com uma alimentação regional, que inclui frutas e comidas típicas. Os responsáveis pela Pousada do Miro, seguem agendamento de passeios conforme a temporada do ano, já que a região vivencia somente dois períodos que são; inverno e verão. Essa condição climática obriga os moradores (seringueiros), pesquisados (cientistas) e indígenas a adaptar também o meio de transporte, especificamente tipo de barco já que é o único meio de chegar a Serra e a Pousada, é através do rio Moa.

Foto: Pousada do Miro, Serra do Divisor Acre/Brasil

A viagem para chegar à Pousada dependendo do tipo de embarcação varia de 8 a 24 horas, esse tempo também pode mudar conforme a estação do ano.

Foto: Cachoeira Formosa – Serra do Divisor Acre/Brasil

A administração da Pousada do Miro organiza passeios em cachoeiras, Mirante e o Buraco Central, ou “olho d’água” surgido das escavações que a Petrobras realizou na região em busca de petróleo na década de 40.

No local das perfurações, formou-se um buraco de 700 metros de diâmetro que jorra água constantemente.

Buraco Central ou “olho d’água ” Serra do Divisor – Acre/Brasil

Além do chamado “Buraco Central” o passeio inclui o Mirante Serra da Jacirana, e as Cachoeiras , do Ar Condicionado 1 e 2, Pirapora 1 e 2, Amor, Mapinguari, Perdenal, Estátua, Cachoeira Grande e Formosa, essa última o acesso é por trilha que dura entre 8 a 9 horas de caminhada além de entre uma e outra, paradas nas casas dos seringueiros, que são os povos nativos da região.

 

Atualmente por força do Decreto Emergencial, em função da Pandemia da Covid-19, a Pousada do Miro suspendeu as atividades, até que a situação no Brasil pós vacina possa garantir a segurança sanitária.
Contato para reservas 68.9927.8938




ÚLTIMAS