Rio Branco,

Fenaj e Sinjac chamam de ‘covarde’ demissão de jornalista que desagradou Bolsonaro

Por Redação Ecos da Notícia

Em nota, a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) e o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Acre (Sinjac) repudiaram e chamaram de ‘covarde’ a atitude do prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, de exonerar o repórter João Renato Jácome.

O jornalista estava a serviço do jornal Estadão em coletiva de imprensa com o presidente Jair Bolsonaro, quando fez uma pergunta que desagradou o presidente (Veja aqui). Bocalom também não gostou da pergunta e exonerou o repórter que atuava como chefe de gabinete da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semeia).

João Renato destacou que não saiu do expediente sem permissão e que estava em dia de folga devido um rodízio feito entre os servidores por causa da pandemia da Covid-19, por isso, aceitou o convite do jornal para acompanhar a agenda do presidente. Ele disse ainda que a exoneração foi uma surpresa, e mesmo assim respeita a decisão de Bocalom.

Veja a nota do Fenaj e Sinjac:

A Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) e o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Acre (Sinjac), por meio de seu representante, o presidente Victor Augusto Nogueira de Farias, vêm a público repudiar a atitude covarde e a prática de censura do prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom, que deveria defender e garantir direitos conquistados pela sociedade.

A Fenaj e o Sinjac manifestam repúdio contra a demissão do jornalista João Renato Jácome de Andrade, publicada na edição do Diário Oficial do Acre desta sexta-feira (26), por ter exercido o dever de questionar fatos durante coletiva de imprensa do presidente Jair Bolsonaro.

Com este violento ataque ao jornalismo, o prefeito Tião Bocalom afronta a liberdade de imprensa e o direito de acesso à informação garantidos pela Constituição.

As direções da Fenaj e do Sinjac exigem a anulação do ato e a reintegração imediata do profissional aos quadros da Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

Fenaj e Sinjac




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img