Rio Branco,

Após protestos, Gladson diz que está impedido de realizar convocação de cadastro de reserva da PC

Por Redação Ecos da Notícia

Após a realização de protestos durante a realização da cerimônia de convocação dos 325 aprovados do cadastro de reserva da Polícia Militar, o governador Gladson Cameli não fugiu da responsabilidade e desceu as escadarias do Palácio para dá satisfação aos manifestantes no início da tarde desta sexta-feira (26).

Cameli disse aos aprovados que possam ter paciência e citou as dificuldades que o governo enfrenta. No momento, Cameli diz que o Estado não pode realizar a convocação. “Tenho uma lei de responsabilidade fiscal para respeitar. Todos os passos dado pelo governo estão sendo calculados”, declarou.

Segundo informações, o cadastro de reserva da Polícia Civil, concurso realizado em 2017, existem cerca de 500 candidatos aguardam que o Estado faça a convocação.




ÚLTIMAS

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img