Rio Branco,

Sargento bolsonarista diz que vai praticar tiro ao alvo na cabeça de “esquerdopatas” do Acre

Por ac24horas

O acreano Marcos Pires, sargento aposentado do Exército Brasileiro, usou as redes sociais para ameaçar os acreanos que irão participar neste sábado, 23, de um protesto a favor do impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), nas proximidades da Uninorte, marcado para às 15 horas.

A ameaça foi feita em uma publicação na página do ac24horas, que informava o local e a data do protesto. Marcos Pires acabou virando notícia ao ameaçar que iria praticar “sua mira na cabeça de manifestantes”.

“Vou praticar tiro ao alvo em movimento na cabeça de esquerdopatas”, escreveu.

Nas redes, Marcos Pires compartilha materiais de apoio ao uso da hidroxicloroquina em casos da Covid-19, na qual ainda não existe evidência comprovada para o tratamento da doença e demonstra ser um grande fã e apoiador do presidente Jair Bolsonaro.

Ao ac24horas, a assessoria do 4º Bis informou que só iria se manifestar via e-mail ou ofício. O ac24horas tentou contato com Marcos Pires pela mesma rede social, porém não conseguimos um posicionamento acerca de suas declarações nas redes sociais. O espaço está aberto, caso queira expor sua versão dos fatos.




ÚLTIMAS