Rio Branco,

Bombeiros encontram corpo de jovem que se afogou ao pular de ponte em Rio Branco

Por Ithamar Souza, Ecos da Notícia

O corpo do jovem Naisandro Pereira da Silva, de 27 anos, foi encontrado pela equipe do 2° Batalhão do Corpo de Bombeiros, na manhã desta quarta-feira (20), às margens do Rio Acre, em Rio Branco.

Desde o início desta semana, equipes de mergulhadores do 2º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar do Acre, especializado em Busca e Salvamento, realizam buscas por vítimas de afogamento no Rio Acre.

As primeiras buscas iniciaram no domingo (17), nas proximidades da ponte metálica de Rio Branco (Ponte Juscelino Kubitscheck), por um rapaz de 27 anos que teria pulado no rio Acre e tentado fazer a travessia a nado. Segundo informações de amigos, o jovem estava sob efeito de álcool e resolveu entrar na água, na madrugada de domingo.

As equipes realizaram buscas submersas e superficiais por 4 (quatro) dias. De acordo com um dos mergulhadores, Cabo Francenilson da Silva, o que mais dificultou as buscas foram as fortes correntezas e a descida de balseiros, que são galhos, troncos de árvores que aumentam com a cheia do rio.

“A situação estava bem complicada, pois o rio está enchendo e descendo muitos balseiros, mergulhávamos e a correnteza nos arrastava mesmo estando com aproximadamente 100 (cem) quilos de peso”, disse o mergulhador.

Na manhã desta quarta-feira (20), quarto dia de buscas, os mergulhadores obtiveram êxito e conseguiram localizar o corpo da vítima, que será encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os devidos procedimentos.

2º caso

Simultaneamente às buscas na ponte metálica, outra equipe de mergulhadores foi deslocada no final da manhã de terça feira para realizar buscas por um senhor de 54 anos, desaparecido no rio Acre, região do Quixadá, em Rio Branco.

A vítima estava em uma embarcação que foi atingida por tronco de árvore e ficou preso na quilha (localizada na parte inferior) do barco. Logo em seguida, o senhor desceu e tentou retirá-lo. Conseguiu retirar e depois mergulhou para verificar se tinha danificado a embarcação, quando não mais retornou.

Os mergulhadores fizeram o reconhecimento da área e ainda estão no local realizando o segundo dia de buscas pela vítima.




ÚLTIMAS